Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Agência Minas

Exportações do agro mineiro crescem 9%

Imagem
Agronegócio representou 34% de todo o faturamento das vendas externas do estado Com crescimento de 9,2% na receita e 28,4% no volume, as exportações do agronegócio de Minas Gerais já atingem US$ 6,42 bilhões no acumulado entre janeiro e setembro deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. Ao todo, foram embarcadas mais de 10 milhões de toneladas em produtos. O subsecretário de Política e Economia Agropecuária da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) , João Ricardo Albanez, destaca a importância do agro para a economia de Minas Gerais, uma vez que o setor representou 34,4% das exportações de todo o estado. “Isso é um resultado muito positivo para a economia de Minas. O estado teve um pequeno declínio no valor geral das exportações, mas, se não tivéssemos o agronegócio, teríamos uma queda ainda maior. No saldo da balança comercial o agro contribuiu com US$ 5,9 bilhões, valor que representa 46% do saldo comercial mineiro”, afirma A

Safra recorde de cana-de-açúcar vai ultrapassar 72 milhões de toneladas em Minas

Imagem
  Com uma área colhida superior a 862 mil hectares, o montante esperado será recorde dentro da série histórica iniciada em 2005/2006 A estimativa para a safra 2020/2021 de cana-de-açúcar é de 72,1 milhões de toneladas em Minas Gerais, segundo projeções da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). O volume é 5% maior em comparação com a safra 2019/2020, quando foram produzidas 68,7 milhões de toneladas. Com uma área colhida superior a 862 mil hectares, o montante esperado será recorde dentro da série histórica iniciada em 2005/2006. Com a diminuição de veículos em circulação e a queda na demanda pelo etanol combustível provocadas pela pandemia do coronavírus, grande parte da produção sucroalcooleira deve ser destinada ao açúcar. Em Minas, a expectativa da Conab é que 4,7 milhões de toneladas do produto sejam geradas, o que representa um aumento expressivo de 47,8% em comparação com a safra anterior. Espera-se que esse movimento minimize as perdas do m

Produtores de Minas Gerais aderem ao vazio sanitário da soja

Imagem
   O vazio sanitário da soja segue até 15/9 em Minas Gerais. O comprometimento do setor produtivo durante a medida está sendo fundamental para o sucesso do manejo. O produtor de soja do estado comunicou ao  Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) , vinculado à  Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) , a situação fitossanitária de sua propriedade rural, mediante preenchimento de questionário no site do IMA. Foram 813 declarações de conformidade, superando os 740 monitoramentos programados para 2020. A iniciativa tem objetivo de evitar a ocorrência do fungo  Phakopsora pachyrhizi , causador da ferrugem asiática da soja, principal praga que acomete a cultura. O manejo impede danos à plantação e pode evitar perdas econômicas aos produtores. Por prevenção, o vazio sanitário é realizado antes do plantio do grão.  O gerente de Defesa Sanitária Vegetal do IMA, Nataniel Nogueira, avalia como positiva a participação dos produtores. “Foi essencial para o suces

Minas alcança safra recorde de grãos

Imagem
  A safra recorde de grãos para Minas Gerais foi confirmada com o 11º levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), para o período 2019/2020, numa série de 12. O volume colhido de 15,1 milhões de toneladas equivale a um aumento de 6,4% em relação à safra passada, incremento de 0,6% na área plantada e um ganho de 5,8% na produtividade. No estado, o destaque é para o milho e a soja que, juntos, representam 89% da produção mineira de grãos. Os maiores incrementos foram soja (+18,0%), amendoim (+16,7%), sorgo (7,4%) e feijão total (2,9%). No caso específico do amendoim, a produção de 4,9 mil toneladas representou um aumento de 16,7% em comparação à safra 2018/2019. O principal motivo foi a expectativa de bons preços no período do plantio que resultou na ampliação da área plantada em cerca de 30%. Para a safra de feijão total (1ª, 2ª e 3ª safras), o crescimento foi de 2,9%, alcançando 558,1 mil toneladas. O aumento ocorre mesmo diante de uma redução da área de

Estado divulga municípios classificados para perfuração de poços tubulares

Imagem
Obras de melhoria da captação de água serão executadas em até dois anos O Governo de Minas, por meio da  Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) , disponibilizou, nesta semana, uma lista com cem municípios classificados para perfuração de poços tubulares profundos, em comunidades carentes de água potável. A maior parte das cidades está localizada no Norte de Minas, em região do semiárido mineiro. A medida busca melhorar a qualidade de vida dos habitantes e prevê que as obras sejam executadas em até dois anos.  Entre os municípios selecionados estão São João das Missões (comunidade Terra Indígena Xakriabá e comunidade Aldeia Custódio) e Ouro Branco (comunidade de Água Limpa).  Clique aqui  para ver a lista completa.  “Foram utilizados critérios técnicos, como porcentagem da população atualmente atendida por rede de coleta e tratamento de água, priorizando as comunidades mais carentes do recurso”, frisa o subsecretário de Gestão Ambienta

Queima controlada na agricultura tem novas regras

Imagem
Governo de Minas atualiza critérios para utilização de fogo em propriedades rurais O Governo de Minas estabeleceu, desde o dia 25/7, novos critérios para a prática, monitoramento e controle do fogo na agricultura e também para pesquisa científica e tecnológica no território mineiro. A norma, publicada no Diário Oficial do Estado , tem por objetivo atualizar os procedimentos para requerimento e emissão de autorização para queima controlada, ampliando os mecanismos de controle sobre a prática. Entre as novidades trazidas pela resolução conjunta estão o uso da queima controlada como estratégia de combate a incêndios em plantações agrícolas, além da possibilidade de autorização da prática na análise do licenciamento ambiental. Outra inovação é a possibilidade de realização do requerimento de autorização de forma totalmente digital, por meio do Sistema Estadual de Informações (SEI), e a realização de vistorias à distância a partir da utilização de tecnologias geoespaciais,

Tecnologia blockchain abre caminho para parceria de inovação entre Minas e Holanda

Imagem
O Governo de Minas Gerais, por meio das secretarias de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) e de Planejamento e Gestão (Seplag) , Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema) e Prodemge , está desenvolvendo uma solução em Blockchain (tecnologia que possibilita a troca direta de informações, sem a necessidade de envolvimento de terceiros) para o transporte de carvão vegetal oriundo de replantio. A tecnologia, que acaba de ser apresentada ao governo da Holanda, que é referência no assunto, abriu caminho para uma nova etapa de inovação: a possibilidade de realização de um projeto conjunto entre os dois governos. Responsável pela internacionalização do projeto, a chefe da Assessoria de Cooperação Nacional e Internacional da Sede, Maria Bueno, afirma que a expectativa é que o acordo seja fechado até o primeiro semestre de 2020. A partir dele, o governo holandês começará a atuar com conhecimento e transferência de tecnologia. “Além de Minas Gerais ter uma rel

Fiscalização orienta pescadores antes do início da piracema

Imagem
A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e a 18ª Companhia da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) iniciaram ações de fiscalização do período da piracema. Entre 28 de outubro e 3 de novembro, os dois órgãos realizaram a operação “Malha Fina”, ação que percorreu o Rio Grande, no Reservatório de Furnas, para identificar irregularidades e orientar pescadores profissionais e amadores sobre o início do período de restrição. Na piracema, fica proibida a pesca de espécies nativas em parte do estado, por ser também a época de reprodução dos peixes. Durante a ação fiscal, foram apreendidas 170 redes de emalhar (tipo de artes de pesca em que os peixes ou crustáceos ficam presos em suas malhas devido ao seu próprio movimento) de 8,7 mil metros, além de três covos de pesca, instrumentos conhecidos como “balaio de pesca” ou gaiola, em que o peixe entra e fica preso. Foram apreendidos de três covos de pesca, instrumentos conhecidos como “balaio de

Prevenção e controle da mastite contribuem para qualidade do leite

Imagem
A qualidade do leite é um dos principais desafios enfrentados pelo setor lácteo e pode ser influenciada por fatores como manejo; alimentação; genética; saúde das vacas; além de condições ligadas à obtenção, resfriamento e armazenagem. "Dentre esses, a inflamação da glândula mamária (mastite) representa a principal influência negativa sobre a qualidade e quantidade do leite produzido", aponta Cristiane Viana Guimarães Ladeira, coordenadora do Programa Estadual de Pesquisa em Bovinocultura da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), vinculada da Secretaria de Estado de Agropecuária, Pecuária e Agricultura (Seapa) . A mastite está entre as enfermidades que mais afetam os rebanhos leiteiros no mundo, causando perdas econômicas para o produtor de leite e para a indústria de laticínios, em função da redução da quantidade e do comprometimento da qualidade do leite produzido. A doença pode, inclusive, causar a perda total da capacidade secretora da glândula mamár

Cafés mais tolerantes à ferrugem são destaque em safra promissora de Minas Gerais

Imagem
O início do mês marcou o começo da florada da próxima safra de café nas principais áreas produtoras de Minas. Segundo pesquisadores da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) , vinculada da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) , a quantidade e a abrangência das flores são significativas, fato que deixou os produtores animados com a possibilidade de boas colheitas. Para os próximos meses, as plantas dependerão das condições do tempo para gerar bons frutos. Parques cafeeiros de regiões mineiras, como o Sul, Cerrado e Mata, estão com flores por todos os lados. E cenas como essas não são exclusividade de Minas Gerais. De acordo com dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a safra de cafés do Brasil estimada para 2019 é de 48,99 milhões de sacas de 60 kg cada. Desse total, 34,47 milhões são da espécie de café arábica, o que equivale a quase 70% da produção. Os outros 30%, cerca de 14,5 milhões de saca, são da espécie co

Igam publica portaria de outorga e torna serviço 100% digital

Imagem
Minas entrou em uma nova era na gestão de seus recursos hídricos. A partir de agora, toda solicitação, análise e decisão dos processos de outorga de uso da água passa a ser 100% por meio eletrônico. A medida, que passou a valer a partir da publicação da Portaria 48 do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) , no último sábado (5/10), elimina a necessidade de deslocamentos até as Superintendências Regionais de Meio Ambiente (Suprams) e de protocolo de documentação física, tornando o processo mais ágil e eficiente. Com a implementação do sistema on-line para requisição de outorga, todo o processo será realizado por meio do Sistema Eletrônico de Informação (SEI-MG). Os novos formulários, documentos de apoio e demais orientações encontram-se disponíveis no site www.igam.mg.gov.br/outorga e dúvidas podem ser esclarecidas por meio do telefone 155 (LigMinas). A digitalização do processo se soma a outras importantes mudanças também trazidas pela portaria. O novo texto

Concurso escolhe os melhores queijos tipo Minas Artesanal do estado de Minas Gerais

Imagem
O 12º Concurso Estadual de Queijo Minas Artesanal será um dos destaques do Festival Minas a Queijo e Viola, entre 4 e 6 de outubro, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Para este ano, a organização optou por algumas mudanças. Serão premiados os cinco melhores queijos escolhidos pelos jurados e o melhor queijo selecionado por um júri popular. A disputa acontece no sábado (5/10), a partir das 13h, no Parque de Exposições Camaru. Quarenta queijos participarão do concurso. A avaliação das iguarias segue critérios como apresentação, cor, textura, consistência, paladar e olfato. A comissão julgadora é formada 11 profissionais ligados à área. Na primeira etapa, serão classificados os dez melhores. Na segunda fase, são escolhidos os vencedores. A seleção dos queijos que participam do concurso estadual aconteceu em disputas municipais e regionais. “Cada região caracterizada como produtora de Queijo Minas Artesanal classifica os cinco primeiros para o estadual. Além deles,

Azeitona também é base para cosmética

Imagem
Conhecida como protagonista do azeite, a azeitona alcança outros patamares de utilização, agora na área da beleza. Em Maria da Fé, na região da Serra da Mantiqueira, pesquisadores da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) , com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) , desenvolveram técnica para a produção do azeite que acabou resultando na utilização do produto e do resíduo da extração para a fabricação de sabonete. Para o diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação da Fapemig, Paulo Beirão, este é mais um exemplo da aplicação de conhecimento originado de pesquisa, gerando novas oportunidades para o desenvolvimento econômico e social de uma região. "Novos negócios poderão ser criados a partir dessa tecnologia, e a dimensão que eles poderão tomar depende agora do setor privado", pontua. De acordo com o pesquisador em olivicultura e fruticultura de clima temperado da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3