Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Pandemia

Dia de campo com público reduzido apresenta resultados de grãos no norte de AL

Imagem
  A Embrapa promoveu, na sexta (28), em parceria com a Seagri/AL e Comissão Estadual de Grãos de AL, um Dia de Campo com foco na diversificação de cultivos e no potencial de soja, milho e trigo para a nova região do Sealba (região de confluência dos estados de Sergipe, Alagoas e Bahia), em Porto Calvo, no litoral norte alagoano, com número restrito de participantes, por conta do distanciamento social. O evento aconteceu na fazenda Surubana, do produtor parceiro Sérgio Papini, e contou com a presença de apenas dez participantes convidados, entre produtores rurais, empresários do setor sucroenergético e técnicos do setor público. João Lessa, secretário da Agricultura de Alagoas, prestigiou o evento, que foi aberto pela coordenadora da Unidade de Execução de Pesquisa (UEP) de Rio Largo (AL), vinculada à Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE), a pesquisadora Walane Ivo. O objetivo principal do encontro foi demonstrar em campo o desenvolvimento e resultados das pesquisa

Guia orienta sobre cuidados básicos de higiene para prevenção à Covid-19

Imagem
  Mais de cinco meses após a pandemia do novo coronavírus ter sido decretada, os cuidados com higiene devem continuar e, muitos deles, ainda suscitam dúvidas: como higienizar corretamente a casa? E os alimentos? E que cuidados deve-se ter ao prepará-los? Que tipos de produtos podemos usar nos animais domésticos? Qual a frequência de limpeza deve-se ter no dia a dia? Pensando em reforçar algumas destas questões e esclarecer outras, a Embrapa acaba de editar o “ Guia básico de higiene doméstica para prevenção da Covid-19 e outras doenças ”, com o patrocínio da Associação dos Comerciantes Estabelecidos no Mercado Municipal de Curitiba - ASCESME.  “Nós apostamos na parceria com a Embrapa para desenvolver este material, pois desde o início da pandemia o Mercado Municipal de Curitiba tem sido exemplo com os protocolos e procedimentos de segurança para conter a disseminação do vírus. Este material é uma forma de contribuirmos também com as pessoas dentro de seus lares”, ressalta

Palestra Online: Mormo em equinos e potencial zoonótico

Imagem
  Emanuelle Baldo Gaspar, pesquisadora da Embrapa Pecuária Sul, foi uma das palestrantes do l Simpósio Mato-Grossense de Saúde Única, evento virtual promovido pelo Cavet (Centro Acadêmico da Medicina Veterinária) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), no início de agosto, através do canal do centro no YouTube .  Com o tema “Mormo em equinos e potencial zoonótico”, a pesquisadora falou sobre aspectos gerais da doença, destacando os aspectos clínicos, epidemiológicos e o potencial zoonótico do mormo.  Uma das abordagens foi sobre a acurácia dos exames existentes atualmente para identificação do mormo. “Os diagnósticos no Brasil são confiáveis. Por mais que você tenha um teste que tenha 99% de sensibilidade, a cada 100 testes um pode dar errado, um exemplo que estamos provando dessa realidade são os testes do Covid-19”, destacou. A palestra no Simpósio – que teve como público-alvo médicos veterinários e estudantes de Medicina Veterinária – contou com participação

Projeto Balde Cheio adequa rotinas para continuidade do trabalho no Acre durante pandemia

Imagem
Como medida de proteção, o trabalho do Projeto Balde Cheio em propriedades leiteiras do Acre precisou ser adequado para possibilitar a continuidade das ações durante a pandemia da covid-19. Algumas atividades passaram a ser realizadas à distância e nas visitas técnicas mensais foram adotados protocolos de segurança recomendados por órgãos oficiais de saúde, visando garantir a saúde do produtor rural e dos técnicos. Eduardo Mikte, professor da Universidade Federal do Acre e coordenador das ações do Balde Cheio no Estado, explica que, para não parar as atividades nesse momento de distanciamento social, a equipe ajustou as rotinas e reprogramou a agenda de trabalho. “Adiamos reuniões e palestras e intensificamos a comunicação por telefone e a troca de informações com os produtores rurais por mensagens de texto, fotos e vídeos, via aplicativo Whatsapp. Já as reuniões de acompanhamento mensal têm sido realizadas com apenas um técnico e o produtor rural, seguindo os cuidados necessários par

Câmara aprova auxílio emergencial para agricultor familiar na pandemia

Imagem
A Câmara dos Deputados aprovou nesta segunda-feira (20) o Projeto de Lei 735/20, que prevê medidas de apoio para agricultores familiares durante o estado de calamidade pública. O texto, que segue agora para o Senado, estende o auxílio emergencial de R$ 600 aos agricultores que ainda não tenham recebido o benefício. Pelo texto aprovado, poderão ter acesso às medidas agricultores e empreendedores familiares, pescadores, extrativistas, silvicultores e aquicultores. O produtor que ainda não tiver recebido o auxílio poderá receber do governo federal o valor total de R$ 3 mil divididos em cinco parcelas de R$ 600. A mulher provedora de família terá direito a R$ 6 mil. Os requisitos do auxílio aos agricultores são semelhantes aos do auxílio emergencial. Dessa forma, o agricultor familiar não pode ter emprego formal, nem receber outro benefício previdenciário, exceto Bolsa Família ou seguro-defeso, e ter renda familiar de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar t

Gestão de projetos ajuda a manter pesquisa ativa durante teletrabalho

Imagem
Para cumprir o distanciamento social como medida preventiva à disseminação do coronavírus, 100% dos pesquisadores da Embrapa Acre se encontram em regime de teletrabalho. Nesse período são priorizadas ações relativas à gestão de projetos, produção científica e outras atividades relacionadas à pesquisa, que podem ser realizadas de forma remota com o auxílio de ferramentas digitais. Empregados e gestores buscam se adequar à nova realidade, conciliando demandas profissionais com a rotina do lar e a família. Iniciado no dia 23 de março, o teletrabalho na Embrapa tem término previsto para 15 de maio de 2020. O pesquisador Judson Valentim conta que para não perder o ritmo, nessa nova modalidade de trabalho buscou estabelecer rotinas semelhantes ás que normalmente realiza, acordando cedo e com práticas de exercícios e café da manhã antes de iniciar as atividades laborais. A jornada, entre 7h30 e 14h50, com pequenos intervalos e pausa para o almoço, inclui respostas a mensagens que chegam por

O mercado do boi frente à pandemia

Imagem
D iante da pandemia causada pelo novo coronavírus, o setor de consumo sofreu alterações relacionadas ao distacionamento social, como as refeições passaram a ser domésticas e com alimentos de menor valor agregado e práticos na preparação. Tal postura colocou a escolha da carne bovina atrás de outras, como de frango, por exemplo.  Do outro lado, o esvaziamento do estoque causado pela correria às prateleiras, logo no início das medidas preventivas à Covid-19, exigiu, posteriormente, um reabastecimento por parte dos setores da indústria e produção.  Pesquisadores do   Centro de Inteligência da Carne   da Embrapa recomendam aos agentes do setor produtivo da carne bovina atenção redobrada ao planejamento, readaquações e a busca por uma sinergia dentro dessa nova realidade, "sem previsão, ainda, de término".  Acesse o Boletim CiCarne,   semana 10 a 17-04,   " Impacto do novo coronavírus nas exportações e no preço da arroba do boi gordo " com a análise dos espec
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3