Postagens

Mostrando postagens de novembro, 2021

Inscrições para o Programa de Regularização Fundiária do Governo de Minas são prorrogadas até 29/11

Imagem
  As inscrições para o Programa Estadual de Regularização Fundiária de Posseiros de Terra Devoluta Rural foram prorrogadas até a última segunda-feira de novembro (29/11). O termo que estabelece o novo prazo para que gestores municipais participem do chamamento público está disponível no site da  Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) ,  neste link . Os municípios selecionados serão contemplados com a emissão dos títulos de propriedade rural a partir de 2022.  As inscrições devem ser feitas pelo Executivo municipal, pois o Acordo de Cooperação Técnica é firmado entre as prefeituras e o estado. Os critérios para a seleção, as regras e os documentos necessários no ato da inscrição estão  descritos no edital .  O superintendente de Regularização Fundiária da Seapa, Pedro José Campos Garcia, lembra que o lançamento de editais para a política pública é uma inovação da atual gestão do Estado. O objetivo é dar transparência, credibilidade e prestar

Aliança de mulheres do café completa 10 anos no Brasil

Imagem
  Há 10 anos, mulheres brasileiras que atuavam invisíveis no mercado do café se uniram para reivindicar protagonismo e reconhecimento por sua contribuição para o Brasil se tornar o maior produtor de café do mundo. Com foco inicial no campo, essas mulheres fundaram a Aliança Internacional das Mulheres do Café Brasil (IWCA Brasil), que completou 10 anos este ano e teve seu trabalho celebrado em um café da manhã hoje (12), último dia da Semana Internacional do Café (SIC), em Belo Horizonte. A presidente da IWCA, produtora de cafés especiais Miriam Monteiro de Aguiar, lembra que a história do café é marcada por processos de exclusão como a escravidão e o patriarcalismo, “mas as mulheres sempre foram parte importante de todos elos da cadeia cafeeira”. "A IWCA nasceu em um espaço que não existia nada. Era um deserto, e a gente semeava em um deserto. Era um ambiente de protagonismo masculino tradicionalmente, em que as mulheres invisíveis sustentavam negócios e participa

IBGE prevê safra recorde de grãos em 2022

Imagem
  A primeira estimativa para a safra agrícola de 2022, divulgada hoje (11) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), prevê a produção de 270,7 milhões de toneladas de grãos, cereais e leguminosas.  De acordo com o instituto, se os dados do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) forem confirmados, será um recorde da série histórica, iniciada em 1975, com um aumento de 7,8% em relação às estimativas deste ano, o que representa 19,5 milhões de toneladas a mais. A expectativa do IBGE é que a produção seja puxada pelo milho, após uma queda grande na safra do grão deste ano, por causa do atraso do plantio da segunda safra e da falta de chuvas nos principais estados produtores. Para 2022, a previsão é de alta de 11,1% para a primeira safra, com 2,8 milhões de toneladas, e de 26,8% para a segunda safra, com 16,2 milhões de toneladas. Segundo o gerente da pesquisa, Carlos Barradas, além da previsão de normalidade climática para o próximo ano,

Estado de Minas promove treinamento sobre certificação de produtos orgânicos

Imagem
  Auditores do  Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) , extensionistas da  Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG ) e pesquisadores da  Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig)  participaram de treinamento sobre certificação de produtos orgânicos. Mais de 200 servidores foram capacitados.  Os funcionários, que atuam diretamente no Programa Certifica Minas, da  Secretaria de Estado Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) , puderam revisar e atualizar os procedimentos referentes ao Plano de Manejo Orgânico (PMO), ao checklist de documentos para auditoria e ao Sistema de Gestão de Qualidade (SGQ).  O serviço de auditoria de produtos orgânicos visa garantir a conformidade dos sistemas de produção aos critérios ecológicos, econômicos e sociais para a obtenção de produtos saudáveis e livres de contaminantes ao consumidor.  Simplificação “O checklist utilizado pelos auditores para a certificação de produtos

Epamig implanta Unidade Demonstrativa de palma forrageira no Leste de Minas Gerais

Imagem
  A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) está ampliando as pesquisas com palma forrageira no estado. Pioneira em desenvolver estudos com a cultura em municípios do Norte de Minas, a empresa implantou uma Unidade Demonstrativa de palma forrageira no município de Pocrane, no Leste mineiro. O objetivo do estudo é analisar a adaptação da palma na região e oferecer aos produtores locais mais uma opção de alimentos forrageiros para rebanhos bovinos, ovinos e caprinos. Em geral, os municípios do Norte do estado enfrentam longos períodos de escassez hídrica. Porém, nos últimos anos, alguns municípios da região Leste também vêm apresentando reduções nos índices anuais de disposição hídrica, além de maior variabilidade espacial e temporal de precipitações de chuvas. De acordo com a pesquisadora da Epamig, Polyanna de Oliveira, a diminuição da quantidade de água na região Leste de Minas Gerais pode causar redução na produtividade de culturas forrageiras tradi

Minas segue como maior produtor de café no Brasil, responsável por 46% da safra 2021

Imagem
  O estado de Minas Gerais mantém o título de maior produtor nacional de café. De acordo com dados da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) , foram colhidas 21,45 milhões de sacas neste ano, o equivalente a 46% da safra em todo o país. Além dos números, este protagonismo ainda será representado como sede da Semana Internacional do Café, que volta ao Expominas, em Belo Horizonte, entre os dias 10 e 12/11, além de oferecer uma intensa programação on-line simultaneamente. O café é cultivado em 451 municípios de Minas em uma área de 1,3 milhão de hectares. De todo o montante produzido no estado, o do tipo arábica responde por aproximadamente 99%. Outro dado que impressiona é a quantidade de países na lista de exportação. São mais de 80, incluindo China, Estados Unidos, Alemanha, Itália e Japão entre os maiores compradores. Tamanho interesse pode ser justificado pela qualidade e diversidade do produto na região. “Os cafés de Minas Gerais se distinguem po

Horticultura ganha destaque na economia do Sul de Minas

Imagem
  O Sul de Minas Gerais é um grande produtor de café e o cultivo da batata também já foi famoso na região. Mas, nos últimos anos, a atividade agrícola que vem crescendo significativamente nos municípios mais próximos da divisa com São Paulo é a horticultura. O segmento passa por expansão tanto em área cultivada, como no Produto Interno Bruto (PIB) local. Dados do Sistema Safra da  Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG)  de 2020 mostram que, na Unidade Regional da empresa em Pouso Alegre, que abrange 44 municípios, o PIB do cafeicultura é de R$ 489 milhões (47,2 mil hectares em produção). Enquanto isso, o produto interno bruto da horticultura/olerícolas (área cultivada de 13,8 mil hectares) é de R$ 1,2 bilhão. Ou seja, cerca de duas vezes e meia maior, em área plantada aproximadamente 3,5 vezes menor. O coordenador técnico regional da Emater-MG, Raul Maria Cássia, diz que vários fatores têm impulsionado o desenvolvimento da

Programa de recuperação de pastagem em Minas Gerais será apresentado na COP26

Imagem
A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) é parceira institucional do programa Integra Zebu, da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), que será apresentado na próxima segunda-feira (8/11) às 15h, para os participantes da 26ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP26). A apresentação vai mostrar uma experiência exitosa do programa na recuperação de pastagens, no Triângulo Mineiro, e falar dos próximos passos de expansão dos trabalhos. Até o momento, foram implantadas e acompanhadas 14 unidades demonstrativas, sendo quatro delas unidades de referência tecnológica, por serem mais voltadas para estudos e levantamentos científicos. Todas as unidades estão em propriedade rurais de 12 municípios da região. As informações do Censo Agropecuário do IBGE/2017 e dados publicados pelo Laboratório de Processamento de Imagens e Geoprocessamento (LAPIG) demonstraram que a área de pastagens do Brasil é de 1
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3