Postagens

Mostrando postagens com o rótulo mandioca

Embrapa oferta material propagativo de mandiocas de indústria para o Brasil Central

Imagem
  Já está disponível o edital de oferta pública para produtores de mudas de mandioca que desejam implantar jardins clonais para produzir manivas ou mudas micropropagadas das cultivares BRS 417, BRS 418 e BRS 419. Essas são primeiras cultivares de mandioca geradas para a produção de farinha e fécula, selecionadas e validadas pela pesquisa para as condições do Cerrado do Brasil Central. Os produtores devem manifestar o interesse a partir das 8h desta terça-feira, 1º de setembro, até as 17h do dia 15 de setembro de 2020, enviando e-mail com o assunto “Comunicado de Oferta N° 08/2020” para [email protected] . Para os produtores de manivas, são ofertados, de cada cultivar, cinco lotes de 250 manivas de 20 cm. Cada lote tem o valor de R$ 1.250. Já para os produtores de mudas micropropagadas, são oferecidas, de cada cultivar, cinco lotes de 50 manivas de 20 cm, no valor de R$ 250 o lote. Os produtores serão contemplados por ordem de recebimento, até o esgotamento dos lotes,

Live discute conservação de etnovariedades de mandioca na Amazônia

Imagem
As pesquisas sobre “Etnovariedades de mandioca: usos e conservação” serão foco do debate online a se realizar na próxima quarta-feira, dia 2 de setembro, no âmbito da série “Amazônia em Foco”. A ação é uma parceria entre unidades de pesquisa da Embrapa, com ênfase na discussão de temas de importância econômica e social que pautam a pesquisa agropecuária na região. O encontro virtual acontece às 16h, no horário de Brasília, no canal da Embrapa no Youtube - https://youtu.be/UMXwt6s2GJY .  Os participantes vão discutir sobre os estudos em andamento nos estados do Acre, Pará e Mato Grosso e as contribuições da pesquisa científica para a conservação de variedades de mandioca utilizadas por agricultores familiares e populações tradicionais na Amazônia. Segundo Amauri Siviero, pesquisador da Embrapa Acre, que será moderador no evento, a região é considerada o centro de origem e diversidade da cultura, com cerca de 90 espécies. Estima-se que nos roçados amazônicos sejam cultivadas milhares de

Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura discute Ciência em tempos de crise

Imagem
  De 24 a 28 de agosto, com o tema “Ciência em tempos de crise”, vai ser realizada a 14ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, Unidade da Embrapa, em Cruz das Almas, BA. Reunindo apresentações de bolsistas da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) — com ênfase nos bolsistas de Iniciação Científica/Cotas dessas instituições —, e de estagiários vinculados a projetos da Embrapa, de nível médio, graduação e pós-graduação, o evento será, pela primeira vez, totalmente virtual e transmitido ao vivo pelo canal da Embrapa Mandioca e Fruticultura no YouTube : https://www.youtube.com/embrapamandiocaefruticultura A Jornada representa uma amostra da pesquisa que é realizada na unidade de pesquisa e do valor dado à formação de recursos humanos com foco na entrega de resultados de relevância para a sociedade, de tecnologias inovadoras e de ciência de alto nível. Além das aprese

Edital para licenciamento de produção de mudas de mandioca da Embrapa está aberto

Imagem
    Está aberto, até as 17h do dia 24 de agosto (segunda-feira), o licenciamento para produtores de mudas de mandioca inscritos no Registro Nacional de Sementes e Mudas (Renasem) e que estejam interessados na implantação de jardins clonais para produção de manivas e/ou mudas micropropagadas da cultivar de mandioca de mesa BRS 429. Podem participar tanto produtores convencionais, que realizam a multiplicação em campo, com manivas, como biofábricas, que trabalham com multiplicação in vitro. Com lançamento previsto para 2021, a cultivar é resultado de trabalho conjunto de três Unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento:  Embrapa Cerrados (Planaltina, DF), Embrapa Mandioca e Fruticultura (Cruz das Almas, BA) e Embrapa Agropecuária Oeste (Dourados, MS). A variedade foi registrada para os estados de Paraná e São Paulo e atingiu 31,7% de incremento na produtividade de raízes quando compar

Maratona de Inovação gera 32 soluções para os desafios do Agro no interior de Pernambuco

Imagem
Após dez dias de intenso trabalho, chegou ao fim o Desafio  Garoa no Campo #Inovação , maratona de ideação de soluções para o setor agropecuário no interior de Pernambuco. Foram 32 projetos entregues, com premiação para as cinco melhores soluções ligadas aos desafios das principais cadeias produtivas do Estado: fruticultura, bovinocultura, horticultura, caprinovinocultura e avicultura. A próxima etapa, denominada Garoa no Campo #Imersão , será um programa de qualificação empreendedora de 15 semanas, com foco na modelagem de projetos e validação de soluções.  As 15 melhores equipes participantes da primeira fase (Garoa no Campo #Inovação) terão a oportunidade de lapidar as ideias propostas, com potencial de firmar parcerias para codesenvolvimento dos projetos junto ao setor produtivo.  As demais equipes e outros interessados poderão passar por um novo processo seletivo para participação.  Segundo o CEO do Habitat de Inovação Garoa e organizador do evento, José Augusto Br

Cooperativa espera aumento de produtividade de até 50% com novas variedades de mandioca da Embrapa

Imagem
Foto: Auro Akio Otsubo A Cooperativa Agrícola Sul Matogrossense (Copasul), com sede em Naviraí (MS), espera obter ganhos de até 50% de produtividade com o uso de variedades desenvolvidas pela Embrapa. A cooperativa é parceria da Embrapa Agropecuária Oeste (Dourados, MS) em um projeto de cooperação técnica para plantio das variedades BRS CS01, BRS 420, para a indústria, e das cultivares BRS 396, BRS 399 e BRS 429, para mesa.   Segundo Gervásio Kamitani, presidente da Copasul, os atuais materiais de mandioca obtiveram 27 toneladas por hectare na safra 2018/2020 (lavouras de dois ciclos). “Nossa expectativa, com as (variedades) de dois ciclos da Embrapa são de 35 a 38 toneladas por hectare [aumento de 40%]”. Na safra 2019/2021 (safra de 1 ciclo), com as variedades comerciais, a cooperativa está colhendo 18 toneladas por hectare, com uma renda média de 600 gramas. “As produtividades que esperamos ter com os materiais da Embrapa são de 25 a 27 toneladas por hectare, com uma

Questionário Embrapa/Cepea vai avaliar impactos da pandemia sobre o mercado de raiz de mandioca

Imagem
Segue até 3 de julho uma pesquisa on-line para avaliar e analisar a situação atual do mercado brasileiro de raiz, fécula, farinha e mandioca de mesa e quais as perspectivas determinadas pela pandemia do novo coronavírus. A iniciativa é da Embrapa Mandioca e Fruticultura (Cruz das Almas, BA), unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada ( Cepea ) da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (Esalq/USP). Embrapa Mandioca Fruticultura e Cepea são parceiros há 18 anos e esta é a segunda etapa do trabalho conjunto em relação à pandemia — a primeira produziu o relatório “Especial Coronavírus e o Agronegócio – Efeitos da covid-19 na cadeia produtiva da mandioca”, publicado em abril passado. “Todas as cadeias produtivas estão sendo impactadas pelo novo coronavírus. Entender e avaliar esses impactos pode ser uma importante arma para mitigar os efe

Sistema de plantio direto na lavoura de mandioca é mais sustentável e rentável

Imagem
Pesquisa mostra que o plantio direto, feito sobre a palhada da cultura anterior, é capaz de aumentar produtividade da mandioca em até 50%, além de elevar a qualidade do solo. Também chamado de plantio mínimo ou plantio reduzido, o sistema de plantio direto ( SPD ) é utilizado em grandes culturas de grãos, como milho, soja e trigo. No Centro-Sul do Brasil, região de grande importância na produção brasileira de mandioca e que concentra 80% das indústrias brasileiras produtoras de fécula, o SPD tem sido testado com sucesso na cultura. Conhecida pela sua versatilidade e rusticidade, a mandioca também tem como característica esgotar rapidamente o solo quando não bem manejado, por isso, o SPD foi testado como alternativa para resolver o problema. O trabalho foi desenvolvido por equipes da Embrapa, da Universidade Estadual do Oeste do Paraná ( Unioeste ) e da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina ( Epagri ), que observaram que a adoção de siste

#TodosPeloAgro: PA é destaque na produção de mandioca

Imagem
O estado do Pará é o maior produtor de mandioca do Brasil. Em 2018, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o estado produziu cerca de quatro milhões de toneladas dessa raiz, que é a base da alimentação do povo brasileiro. Em solo paraense, as lavouras de mandioca ocupam aproximadamente 300 mil hectares (IBGE/Produção Agrícola Municipal). O Benedito Dutra é um dos produtores de mandioca do Pará. Ele está em Tracuateua, no Nordeste Paraense, e de lá conta como está trabalhando neste período de quarentena. A Embrapa Amazônia Oriental lançou em 2019 a publicação Mandioca: agregação de valor e rentabilidade de negócios , que aborda diversos aspectos da produção dessa raiz na mesorregião Nordeste Paraense. Entre os temas abordados estão custo de produção erentabilidade econômica e financeira de agroindústrias. #TodosPeloAgro Ana Laura Lima (MTb 1268/PA) Embrapa Amazônia Oriental

Dia de campo de mandioca acontece dia 25 de outubro em Porto Velho

Imagem
A mandioca, segunda cultura de maior importância para a agricultura familiar rondoniense, será tema de Dia de Campo da Embrapa Rondônia e parceiros que acontecerá dia 25 de outubro. O evento será na área do Projeto Piloto/Associação Vida Nova, localizada na Rodovia BR 364, a 6,5 km de Nova Mutum – Porto velho, sentido Acre. A entrada é gratuita e as inscrições serão feitas no local. O público-alvo do evento serão os agricultores familiares, técnicos de extensão rural, estudantes e professores de ciências agrárias, agentes de fomento e os demais interessados em conhecer mais sobre o assunto. Os participantes terão acesso a informações sobre custo de produção, mercado e processamento da produção de mandioca, às novas variedades que serão em breve recomendadas para o estado de Rondônia e irão discutir aspectos técnicos inerentes ao manejo da cultura e controle de pragas. O engenheiro agrônomo, Davi Oliveira, comenta que a mandiocultura rondoniense ainda é caracterizada pelo baixo uso d

MANDIOCA: Recesso, produtividade e chuvas reduzem oferta

Imagem
Na primeira semana de janeiro, poucos foram os produtores consultados pelo Cepea que focaram na colheita e na entrega de mandioca para a indústria. Esse cenário se deve ao recesso de muitas empresas, à renda e à produtividade no campo, que reduzem a receita por tonelada entregue, às chuvas regionalizadas e o interesse de muitos produtores em avançar com a colheita de soja e com o semeio da segunda safra da oleaginosa. Como a maioria das lavouras é nova e poucos agricultores têm necessidade de colheita para entrega de arrendamento, contrato e/ou parceria, agentes consultados pelo Cepea devem adiar a atividade para o segundo trimestre de 2019. Entre 7 e 11 de janeiro, o preço médio ficou em R$ 351,69/t (R$ 0,6116 por grama na balança hidrostática de 5kg), 0,5% acima da média da semana anterior.  Fonte: Cepea

MANDIOCA: Moagem diminui e cotações seguem em queda

Imagem
O ritmo da colheita de mandioca diminuiu em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea nos últimos dias, devido à baixa disponibilidade de raízes de segundo ciclo e ao clima seco. Porém, como parte da indústria de fécula já reduziu o processamento, os preços continuaram em queda. Entre 10 e 14 de dezembro, o preço médio nominal a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia ficou em R$ 350,71 (R$ 0,6099 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), queda de 2,5% frente à média anterior. Em quatro semanas, o recuo é de 11,7%, em termos nominais.  Fonte: Cepea

MANDIOCA: Preço médio recua 2,8% na semana

Imagem
A oferta de mandioca aumentou nos últimos dias, refletindo o maior interesse de venda dos produtores – devido à necessidade de caixa para a realização dos tratos culturais para os próximos períodos. A demanda industrial, por sua vez, segue enfraquecida. Segundo colaboradores do Cepea, a menor procura esteve atrelada tanto à baixa liquidez no mercado dos derivados quanto às recentes desvalorizações, o que tem levado agentes da indústria a evitar a formação de estoques. Nesse cenário, os preços caíram. Entre 15 e 19 de outubro, a média nominal a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia foi de R$ 446,26 (R$ 0,7761 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), 2,8% menor que a da semana anterior. Em valores atualizados (deflacionamento pelo IGP-DI de setembro/2018), a média da última semana foi 36,2% inferior à de igual período do ano passado.  Fonte: Cepea

MANDIOCA/CEPEA: Chuva prejudica colheita e preços sobem

Imagem
O ano de 2018 segue com índices pluviométricos expressivos em todas as regiões produtoras de mandioca no Centro-Sul, dificultando o avanço da colheita, conforme indicam pesquisadores do Cepea. Produtores até consideram atrativos os preços atuais e tentam realizar a atividade mesmo com solo úmido. Quanto às cotações, seguem em alta. Agentes das indústrias apontaram que mandiocultores estão mais dispostos para novas negociações, inclusive para entregas nas próximas semanas. Do lado produtor, com os recorrentes casos de podridão radicular nas lavouras de mandioca com mais de um ciclo, parte dos mandiocultores deve retomar com mais intensidade a colheita, visando evitar perdas mais acentuadas. Caso este cenário se confirme, será determinante para a maior oferta de raízes nas próximas semanas, limitando as altas, ao menos em curto prazo. Fonte: Cepea

MANDIOCA/CEPEA: Procura elevada e baixa oferta impulsionam valores

Imagem
Os preços de mandioca voltaram a registrar altas, devido à elevada demanda industrial e à baixa oferta – as chuvas ocorridas nas regiões acompanhadas pelo Cepea dificultaram o avanço dos trabalhos de campo na semana passada. Entre 8 e 12 de janeiro, a média a prazo para a tonelada posta fecularia foi de R$ 661,86 (R$ 1,0641 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), aumento de 3% frente à da semana anterior. Em valores atualizados (deflacionamento pelo IGP-DI de dezembro/17), supera em 17,4% a de igual período do ano passado.  Fonte: Cepea

MANDIOCA/CEPEA: Oferta continua restrita, acirrando a disputa por raiz

Imagem
A oferta de mandioca para a indústria deve continuar limitada no Centro-Sul do País em 2018. Para haver disponibilidade no início deste ano, as lavouras deveriam ter sido implantadas pelo menos no 2º semestre de 2016, ou logo no início de 2017 – período incomum de plantio. Além disso, parte das lavouras com dois ciclos já foi colhida no 2º semestre de 2017, diante dos preços atrativos, e muitos produtores também comercializaram raízes mais novas, em muitos casos com menos de um ano, para fazer caixa ou diante da possibilidade de quedas de preços em 2018. Aqueles que deixaram para comercializar o produto neste ano já indicam menor produtividade por conta das condições climáticas desfavoráveis, bem como pelo plantio, que em muitos casos foi tardio. De modo geral, segundo colaboradores do Cepea, as indústrias de fécula e de farinha do Centro-Sul terão menor oferta de mandioca em boa parte do ano. Além disso, a demanda por fécula e amidos em geral deve ser maior, por conta de uma possível
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3