Postagens

Mostrando postagens com o rótulo fruticultura

Política de Inovação vai promover desenvolvimento da cacauicultura brasileira

Imagem
  A partir de setembro, entrará em vigor a Portaria Nº 462 , que trata da Política de Inovação da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac). A política servirá para orientar as ações da Comissão na promoção da inovação por meio da geração de tecnologias, produtos, processos e serviços em benefício da cacauicultura brasileira. O Brasil ocupa hoje o 6º lugar na produção mundial de cacau, segundo a International Cocoa Organization (ICCO). De acordo com o Censo Agropecuário de 2017, há mais de 93 mil estabelecimentos produtores de cacau no país. Eles estão concentrados na Bahia e no Pará, que juntos representam 96% da produção nacional. O diretor da Ceplac, Waldeck Araújo, explica que a política propiciará a busca por recursos para a pesquisa e inovação do cacau e apresentação de projetos a organismos internacionais. Em 2020, a Ceplac foi reconhecida como Instituição de Ciência e Tecnologia (ICT). Para se tornar uma ICT plena, conforme o diretor, era necessária a publica

4 razões para usar o Melaço de Cana para adubar pomares

Imagem
  O melaço de cana é um subproduto do processo de fabricação do açúcar e do álcool, sendo nada mais do que o caldo de cana-de-açúcar concentrado pela evaporação da água, até que atinja um teor de sólidos desejado. O material é cada vez mais usado em diversos setores de plantação e tem se demonstrado bastante eficaz na fruticultura para adubar pomares. O melaço de cana surge da fervura da cana-de-açúcar, diluído em um tanque e direcionado para o sistema de irrigação. O produto ainda contém açúcares redutores e parte da sacarose não cristalizada. O uso em pomares ocorre principalmente porque o melaço de cana é feito de uma mistura de sacarose e sais minerais, sendo bastante rica em potássio, cálcio, fósforo e outros nutrientes. Diversos pomares e locais que trabalham com fruticultura ao redor do País têm apresentado melhora na qualidade dos frutos plantados e colhidos. Além de ser usado na adubação, de forma direta no solo, o material ainda tem seu uso comprovado c

Melaço de Cana aplicado na fruticultura

Imagem
  Diminuir os custos da nutrição animal é um verdadeiro desafio para o produtor rural e também para médicos veterinários e zootecnistas que atuam com assistência técnica. O valor gasto é alto e, se os ajustes não forem feitos, o retorno financeiro de alguns sistemas de produção pode não cobrir os custos. Muitos produtores vêm buscando nos últimos anos por alternativas orgânicas aos insumos tradicionais. Esta é uma iniciativa que prioriza, além de tudo, aqueles produtos que conseguem oferecer benefícios a um baixo custo. Você sabia que o Melaço de Cana aplicado na fruticultura pode ser uma solução neste sentido? A sua aplicação tem aumentado a produtividade em diversas locais. Para se ter uma ideia: na região do Vale São Francisco, em Pernambuco, foi utilizado este produto no solo. Como resultado houve um crescimento de 12% a 15% na produção local. Este ganho já é um motivo para prestar atenção no melaço. Acontece que não é o único benefício que o insumo traz para o

Como Plantar MAMÃO SUNRISE SOLO

Imagem
  Como plantar: Revolva o solo no mínimo 20 cm de profundidade até que fique solto, sem a presença de torrões. Para melhorar o solo, adicione esterco e/ou húmus na proporção de 10%. Misture adubo balanceado NPK considerando 300g para cada 10m2 de canteiro. Para plantio em vasos, use substrato e adicione 5g de adubo por litro de vaso. Semeie conforme a tabela ao lado. Após o plantio, manter o solo e/ou substrato úmido, sem encharcar, para obter melhores resultados.. Descriçao: Planta alta e de rápido crescimento, a colheita começa 9 a 10 meses após a semeadura. Os frutos são macios com polpa firme e cor vermelho-alaranjada.. Dicas: Sabor adocicado, é rico em vitaminas A e C, auxilia na digestão e fortalece o sistema imunológico. Perfeito para cortar ao meio e servir duas porções.. Germinaçao: de 25 a 30 dias. Sementes por grama: 70 a 90. Amplie seu conhecimento: Encontre os melhores Livros, Audiolivros e Cursos na área de agronegócio, empreendedorismo, educação e mui

Como Plantar MAMÃO FORMOSA

Imagem
  Como plantar: Revolva o solo no mínimo 20 cm de profundidade até que fique solto, sem a presença de torrões. Para melhorar o solo, adicione esterco e/ou húmus na proporção de 10%. Misture adubo balanceado NPK considerando 300g para cada 10m2 de canteiro. Para plantio em vasos, use substrato e adicione 5g de adubo por litro de vaso. Semeie conforme a tabela ao lado. Após o plantio, manter o solo e/ou substrato úmido, sem encharcar, para obter melhores resultados.. Descriçao: Planta alta e de rápido crescimento, a colheita começa 9 a 10 meses após a semeadura. Os frutos são alaranjados profundos com média de 22 x 17 cm com uma forma oblonga.. Dicas: Sabor adocicado, é rico em vitaminas A e C, auxilia na digestão e fortalece o sistema imunológico.. Germinaçao: 15 - 30 dias. Sementes por grama: 25 a 30 dias. Amplie seu conhecimento: Encontre os melhores Livros, Audiolivros e Cursos na área de agronegócio, empreendedorismo, educação e muito mais com a EAD Agroales!    SAI

Frutas, castanhas e verduras nativas do Brasil estão em nova lista de espécies da sociobiodiversidade com valor alimentício

Imagem
  Os Ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e do Meio Ambiente (MMA) publicaram, nesta quinta-feira (22), a Portaria Interministerial nº 10 , que institui uma nova lista com 94 espécies nativas da sociobiodiversidade de valor alimentício, para fins de comercialização in natura ou de seus derivados, no âmbito das políticas públicas de estímulo à agricultura familiar. A lista contém frutas, castanhas e verduras nativas do Brasil cuja comercialização é permitida no contexto das operações realizadas pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), pela Política de Garantia de Preços Mínimos para os Produtos da Sociobiodiversidade (PGPMBio), pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) e outras políticas públicas que demandem informações semelhantes. “A publicação da portaria, com a inclusão de novos produtos da sociobiodiversidade para uso alimentício, possibilita a oferta diversificada de produtos sustentáveis que podem atender os mercados institucion

Manejo do solo influencia intensidade da fusariose em banana

Imagem
Bananeira atacada por Fusariose   Um levantamento em áreas de produção de banana do Estado de São Paulo, no Vale do Ribeira, principal produtora de banana do Brasil, identificou que fatores do solo podem predispor as bananeiras à fusariose. O estudo mostrou que solos mais ácidos, com menor disponibilidade de fósforo, cálcio ou de manganês e menor saturação por bases fazem com que as plantas sejam mais afetadas pela doença. Áreas de produção na região de São Bento do Sapucaí também foram avaliadas pelos pesquisadores da Embrapa Meio Ambiente, Instituto Agronômico (IAC), APTA/Vale do Ribeira e Cati/São Bento do Sapucaí. Nessa região, onde os bananais são manejados com menor uso de insumos químicos (fertilizantes e defensivos), os atributos físicos do solo mostram-se mais importantes para modular a intensidade da doença.  “Em cultivos de banana em São Bento do Sapucaí,” explica o técnico da Embrapa Meio Ambiente Henrique Vieira, “solos mais compactados e que apresentam ma

Recipientes menores otimizam produção de mudas de açaí

Imagem
As mudas são mais resistentes ao estresse característico do primeiro ano e dão menos trabalho a quem lida com menores quantidades de mudas. O boletim de pesquisa Produção de mudas de açaizeiro em recipientes de diferentes volumes , da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), traz a primeira comprovação científica sobre os melhores materiais para esse fim, mais econômicos e adequados às demandas de um setor produtivo com áreas de cultivo em crescente expansão. Com o aumento do consumo do açaí – fruto antes proveniente apenas do extrativismo –,  no Brasil e no exterior,  o açaizeiro ( Euterpe oleracea ) passou a ser manejado em grandes áreas e em pomares comerciais. “Os novos dados, comprovados estatisticamente, colaboram para haver no mercado mudas de qualidade em maior número, a um custo menor, em recipientes de menor tamanho, mais fáceis de se manejar e transportar”, contextualiza  Walnice Maria Oliveira do Nascimento,  pesquisadora da Embrapa autora da public

Epamig busca diversificar a produção de vinhos finos de inverno

Imagem
  A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) realiza dois experimentos para ampliar as opções de variedades de uva para a produção de vinhos finos de inverno sob o manejo de dupla poda. O trabalho consiste na avaliação de oito diferentes porta-enxertos nos parâmetros agronômicos e ecofisiológicos das videiras Merlot, Cabernet Sauvignon e Syrah e na testagem de 12 variedades tintas e brancas, ainda não cultivadas no estado. “Dentre as variedades tintas, nós temos Tempranillo, Touriga Nacional, Mourvedre, Petit Verdot, Grenache, Carmenere, Marselan, e como variedade testemunha, para efeitos de comparação, a Syrah, uva tinta que melhor se adaptou ao cultivo de inverno. E entre as brancas, nós utilizamos a Marsanne, a Muscat Petit Grain Blanc, a Viognier e a Vermentino. Variedades que ainda não tinham sido experimentadas sob o manejo de dupla poda”, informa o pesquisador da Epamig, Francisco Câmara. A área experimental foi instalada no ano de 2015 em uma pro

Cartilha traz boas práticas para cultivo de cacau no Pará

Imagem
  Está disponível no site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) a Cartilha de Boas Práticas da Agricultura do Cacau no Estado do Pará . Elaborada pela Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac),com a contribuição de produtores, a cartilha traz de forma clara, concisa e ilustrada a produção do cacaueiro em Sistemas Agroflorestais (SAF). Há também o orçamento para implantação de um hectare de cacaueiros em SAF, as indicações do uso de equipamento de proteção individual e o calendário agrícola para aplicação das práticas agrícolas na cacauicultura, segundo o mês da sua execução e alinhadas com a média mensal de chuvas. “Ao apresentar e disponibilizar a cartilha espera-se que a maior diversidade de pessoas ao acessá-la possa aprender e identificar - além da forma que escolheram para “fazer o cacau” -, os acréscimos tecnológicos disponibilizados pela pesquisa agrícola desenvolvida pela Ceplac em benefício da eficiência econômica na produç

Abertas as inscrições para o Simpósio on-line de Fruticultura

Imagem
  Estão abertas as inscrições para o Simpósio on-line de Fruticultura (SOFruto), uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Fruticultura (SBF) e da Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos (SBCTA), com o apoio da Embrapa.  O evento acontecerá de 19 a 23 de outubro e trará as últimas tecnologias no campo da fruticultura, contando com a presença de especialistas da área de ensino e pesquisa, além de personalidades da esfera governamental. A Embrapa Semiárido faz parte da Comissão Organizadora do evento, sendo representada pela pesquisadora Maria Auxiliadora Coelho , gestora do Portfólio de Fruticultura Tropical da Embrapa. A Unidade também participa da programação do Simpósio com três palestras, que serão ministradas pelos pesquisadores  Francisco Pinheiro Neto , que falará sobre o 'Melhoramento Genético de Mangueira'; Maria Aparecida Mouco , com a palestra 'Sistemas de Produção de Manga', e o pesquisador Paulo Roberto Lopes , que abordará a 

Embrapa apresenta primeira cultivar de uva 100% Nordestina

Imagem
  A Embrapa Semiárido (Petrolina, PE) apresenta a cultivar de uva de mesa BRS Tainá, a primeira totalmente desenvolvida no Nordeste Brasileiro. Voltada para a produção no polo de fruticultura irrigada do Vale do São Francisco, a uva exibe coloração branca, sabor neutro e agradável, além de ser uma variedade sem semente, uma das mais importantes características exigidas pelo mercado. A nova cultivar será apresentada no dia 21 de outubro, às 19h30, em Dia de Campo online transmitido pelo canal da Embrapa no Youtube . O evento é aberto ao público e contará com a palestra da pesquisadora Patrícia Coelho de Souza Leão, responsável pela condução dos trabalhos de melhoramento de uva na região.  Também contará com o depoimento de produtores que têm áreas experimentais da uva em suas propriedades. Proveniente do cruzamento realizado em 2004 entre as cultivares internacionais Sugraone e Marroo Seedless, que fazem  parte  do Banco Ativo de Germoplasma da Embrapa Semiárido, a BRS

Projeto estimula a fruticultura no Semiárido

Imagem
Plantio de limão em Poço Redondo-SE     O projeto ‘Lagos do São Francisco’, uma cooperação entre a Embrapa Semiárido (Petrolina-PE) e Chesf, com o apoio do BNDES, tem levado um conjunto de inovações tecnológicas a pequenos agricultores do Semiárido, com foco na produção de frutas. Por meio de capacitações e treinamentos, a iniciativa vem fornecendo orientações e insumos para a instalação de áreas demonstrativas, os chamados Campos de Aprendizagem Tecnológica (CATs).   Um desses CATs é o de limão Tahiti, implantado em dezembro de 2019 nos municípios de Poço Redondo (SE) e Delmiro Gouveia (AL). Para a cultura, foram utilizados o sistema de irrigação por gotejamento, escolhido em função da eficiência de aplicação de água e da viabilidade para adoção da fertirrigação.     Para ajudar os agricultores a otimizar a produção, o projeto organizou também diversas capacitações, levando informações sobre o manejo de água, podas de formação e tratos fitossanitários para controle de pragas e doenças

Sistema de Alerta do pessegueiro reinicia com mudanças

Imagem
  É época de distanciamento social, mas pragas e doenças na fruticultura desconhecem essa realidade. Todos os anos, independente de Pandemia, os fruticultores necessitam de orientação técnica para aprimorar o manejo nos pomares. Há cerca de dez anos, a Embrapa e parceiros implementaram o  Sistema de Alerta Mosca-das-Frutas para a cultura do pessegueiro, e neste ano, mesmo vivendo a situação da presença do Coronavírus, o Serviço terá continuidade com adaptações às exigências do momento. A partir desta semana, serão realizadas as reuniões semanais e veiculados os novos boletins informativos para safra 2020/2021 para as Regiões de Pelotas e Serra Gaúcha. As reuniões semanais entre técnicos e produtores parceiros serão virtuais, contando com maior integração e colaboração entre o grupo de trabalho das duas regiões. “No ano de 2020, a equipe da Embrapa Uva e Vinho, de Bento Gonçalves, e parceiros, irão começar a participar das tradicionais reuniões que a Região de Pelotas pr

Descubra tudo o que a AGRO365 - Fruticultura pode fazer pela sua Fazenda

Imagem
Transforme sua Fazenda em uma Moderna Empresa Rural   Chega de várias planilhas e informações desencontradas para gerenciar sua Fazenda   Na AGRO365 com uma única solução você gerencia toda movimentação financeira, planejamento da produção e controles de produtividade de cada talhão. Além de vários relatórios mensais e anuais da produção, fluxo de caixa, custo de produção e produtividade   Tudo o que você precisa para gerir a sua fazenda com excelência e produtividade você vai encontrar aqui na AGRO365 - Fruticultura   O que a AGRO365 - Fruticultura pode fazer pela sua Fazenda?   Existem poucos softwares de gestão para Fruticultura disponível no mercado, e quando encontrados, o preço para aquisição na maioria das vezes é alto o que dificulta a aquisição para os produtores rurais, pois na maioria dos casos, as plantações são feitas em fazendas com baixo nível tecnológico de gestão financeira e produtiva.   Considerando esses aspectos, foi desenvolvido em Microsoft Excel®, software facil

Produtores e especialistas celebram a qualidade das uvas colhidas na safra de inverno

Imagem
  Vitivinicultores das regiões Sudeste e Centro-Oeste do Brasil comemoram a melhor safra em qualidade desde o início da produção dos vinhos finos de inverno. As uvas colhidas em 2020, alcançaram alto nível de sanidade, acúmulo de açúcares, equilíbrio de acidez e concentração de antocianinas e taninos, compostos responsáveis pela cor e estrutura do vinho. As condições climáticas, que tanto têm afetado o desenvolvimento de outras culturas, foram essenciais para esse desempenho, como explica a enóloga Isabela Peregrino, da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG). “O principal fator a contribuir para a qualidade especial da safra 2020 foi a longa estiagem deste inverno. De maneira geral, o manejo da videira em dupla poda, com a colheita das uvas no inverno, já se beneficia dessa característica climática presente no Sudeste e Centro-Oeste do Brasil. Contudo, neste ano, a estiagem começou mais cedo, em abril, e seguiu firme por todos os meses até o fina

Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura discute Ciência em tempos de crise

Imagem
  De 24 a 28 de agosto, com o tema “Ciência em tempos de crise”, vai ser realizada a 14ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura, Unidade da Embrapa, em Cruz das Almas, BA. Reunindo apresentações de bolsistas da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) — com ênfase nos bolsistas de Iniciação Científica/Cotas dessas instituições —, e de estagiários vinculados a projetos da Embrapa, de nível médio, graduação e pós-graduação, o evento será, pela primeira vez, totalmente virtual e transmitido ao vivo pelo canal da Embrapa Mandioca e Fruticultura no YouTube : https://www.youtube.com/embrapamandiocaefruticultura A Jornada representa uma amostra da pesquisa que é realizada na unidade de pesquisa e do valor dado à formação de recursos humanos com foco na entrega de resultados de relevância para a sociedade, de tecnologias inovadoras e de ciência de alto nível. Além das aprese

Eventos virtuais marcam os 45 anos da Embrapa Uva e Vinho

Imagem
  Ocorre na próxima quarta-feira, 26 de agosto, a cerimônia de aniversário dos 45 anos da Embrapa Uva e Vinho, uma das 43 unidades descentralizadas da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O evento terá início às 15h30min e será transmitido no canal da Embrapa no Youtube . Com a participação de Celso Moretti, presidente da Embrapa, a live será um momento de resgate das principais contribuições da unidade de pesquisa, contemplando a participação de diferentes atores das cadeias produtivas com as quais a ela interage. Na oportunidade também serão anunciadas novas parcerias e acontecerá o lançamento da página alusiva aos 45 anos e de um Brandy comemorativo. Além da cerimônia, o aniversário será marcado pelo lançamento de uma série de palestras técnicas e institucionais, abordando temas importantes da vitivinicultura e da fruticultura de clima temperado, que serão divulgadas no canal da Embrapa no Yo
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3