Postagens

Mostrando postagens com o rótulo soja

Conheças os benefícios do tratamento de sementes

Imagem
  O tratamento de sementes é importante para conquistar bons níveis de produtividade e rentabilidade. Essa prática de manejo auxilia na prevenção de pragas e doenças, o que traz maior segurança para lavouras de soja e de milho . Além disso, se o agricultor investiu em sementes de maior qualidade, é muito importante cuidar delas de uma forma mais atenciosa, para que atinjam todo o potencial produtivo do investimento realizado. Nós acreditamos que devemos nos atentar a cada etapa do plantio, buscando realizar o manejo eficiente e atualizado, para que os empreendimentos agrícolas sejam cada vez mais rentáveis para o produtor rural. Benefícios do tratamento  de sementes Há inúmeros benefícios no tratamento de sementes, os quais poderiam ser resumidos em dois itens: segurança e produtividade . Porém, para detalhar o impacto dessa prática de manejo na cultura, listamos alguns dos benefícios mais palpáveis: - Prevenção de pragas e doenças - Melhor desenvolvimento inicial da pl

Soja brasileira da safra 2021/22 está 55% comercializada

Imagem
  Levantamento realizado pela consultoria Datagro mostra que a comercialização da safra 2021/22 da soja brasileira registrou um bom avanço em março, atingindo 55% da produção estimada até o dia 1º de abril. Mesmo assim, permaneceu abaixo dos 71,5% do recorde da safra 2019/20 e também da média de 58,60% dos últimos cinco anos. Os negócios andaram melhor do que em janeiro e fevereiro. Houve um aumento mensal de 9%, superior ao mês anterior, quando foi registrado um avanço de 6,90%, ficando também acima do padrão normal de evolução para o período, de 8,20%. “O movimento foi beneficiado pela nova alta generalizada dos preços em março”, indicou Flávio Roberto de França Junior, coordenador de Grãos da Datagro. Considerando a estimativa atual da safra 2021/22, revisada para 125.11 milhões de toneladas, os sojicultores brasileiros negociaram, até a data analisada, 68.81 milhões de toneladas. No mesmo período do ano passado, o volume negociado era muito maior em termos relativos

Pratylenchus, o nematoide oportunista

Imagem
Plantio de soja afetada por nematoide Pratylenchus Como em qualquer doença de plantas, para que as nematoses provoquem danos há necessidade da conjunção de três fatores básicos: densidade populacional do nematoide (patógeno) agressivo ou virulento, suscetibilidade ou intolerância da planta, e ocorrência de condições ambientais favoráveis à doença. O quanto cada um desses fatores contribui para a ocorrência de danos depende de cada caso. Para várias espécies de nematoides, a densidade populacional no momento do plantio de culturas anuais (Pi) é um fator preponderante para a ocorrência de danos. Exemplos disso são observados com o nematoide de cisto da soja ou com o nematoide de galhas em algodoeiro. Ambos são influenciados pela combinação raça (virulenta) – variedade (suscetível) e pelo ambiente (textura e fertilidade do solo, temperatura e outros), mas a contribuição da densidade populacional desses nematoides para a ocorrência de danos é fundamental. Para essas e outras espécies de co

Seminário debate desafios e alternativas para manter a competitividade na cadeia da soja

Imagem
  O "II Seminário: Desafios da Liderança Brasileira no Mercado Mundial da Soja" será promovido nos dias 27 e 28 de outubro, em formato digital, via Radar da Tecnologia, canal da Embrapa Soja no Youtube. Para participar deste evento gratuito, basta fazer a inscrição no site do evento para receber o link de acesso .  O evento é realizado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Soja), a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), a Associação das Empresas Cerealistas do Brasil (ACEBRA), a Organização das Cooperativas do Brasil (OCB) e o Sindicato Nacional da Indústria de Alimentação Animal (Sindirações). O objetivo do Seminário é discutir os principais temas relativos à competitividade da soja brasileira no cenário mundial, com ênfase nas questões técnicas para produção e armazenamento do grão e ainda para a manutenção da qualidade da oleaginosa. O Brasil é hoje l

Soja para a alimentação humana tem sabor mais agradável e pode ser usada em diferentes preparações

Imagem
  Grão é o tema da semana da série Agrotecnologia no dia a dia, produzida pela EPAMIG (Belo Horizonte – 11/9/2020) – Você sabia que existem tipos de soja produzidos, especialmente, para a alimentação humana? Uma parceria, iniciada na década de 1980, entre a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG), a Embrapa e a Fundação Triângulo, para o desenvolvimento de cultivares de soja para o Cerrado Mineiro, resultou também em variedades que possuem um sabor mais suave, textura diferenciada e versatilidade para o preparo de pratos nutritivos e saborosos. Os benefícios nutricionais e as possibilidades de inserção das sojas de casca amarela (BRSMG 790A), marrom (BRSMG 800A) e preta (BRSMG 715A) na alimentação humana são o tema da semana na série Agrotecnologia no dia a dia, disponível no Canal Oficial da EPAMIG noYoutube. No vídeo, a coordenadora do Programa Estadual de Pesquisa em Grãos da EPAMIG, Ana Cristina Juhász, fala sobre a produção de soja n

Dia de campo com público reduzido apresenta resultados de grãos no norte de AL

Imagem
  A Embrapa promoveu, na sexta (28), em parceria com a Seagri/AL e Comissão Estadual de Grãos de AL, um Dia de Campo com foco na diversificação de cultivos e no potencial de soja, milho e trigo para a nova região do Sealba (região de confluência dos estados de Sergipe, Alagoas e Bahia), em Porto Calvo, no litoral norte alagoano, com número restrito de participantes, por conta do distanciamento social. O evento aconteceu na fazenda Surubana, do produtor parceiro Sérgio Papini, e contou com a presença de apenas dez participantes convidados, entre produtores rurais, empresários do setor sucroenergético e técnicos do setor público. João Lessa, secretário da Agricultura de Alagoas, prestigiou o evento, que foi aberto pela coordenadora da Unidade de Execução de Pesquisa (UEP) de Rio Largo (AL), vinculada à Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE), a pesquisadora Walane Ivo. O objetivo principal do encontro foi demonstrar em campo o desenvolvimento e resultados das pesquisa

Produtores de Minas Gerais aderem ao vazio sanitário da soja

Imagem
   O vazio sanitário da soja segue até 15/9 em Minas Gerais. O comprometimento do setor produtivo durante a medida está sendo fundamental para o sucesso do manejo. O produtor de soja do estado comunicou ao  Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) , vinculado à  Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) , a situação fitossanitária de sua propriedade rural, mediante preenchimento de questionário no site do IMA. Foram 813 declarações de conformidade, superando os 740 monitoramentos programados para 2020. A iniciativa tem objetivo de evitar a ocorrência do fungo  Phakopsora pachyrhizi , causador da ferrugem asiática da soja, principal praga que acomete a cultura. O manejo impede danos à plantação e pode evitar perdas econômicas aos produtores. Por prevenção, o vazio sanitário é realizado antes do plantio do grão.  O gerente de Defesa Sanitária Vegetal do IMA, Nataniel Nogueira, avalia como positiva a participação dos produtores. “Foi essencial para o suces

Painel debate manejo de plantas daninhas

Imagem
  A Embrapa promove o painel "Tecnologias para produção de soja - Manejo de plantas daninhas", no dia 25 de agosto, das 10h30 às 11h45, em formato digital. No painel serão destacadas as tecnologias desenvolvidas para manejo e controle de plantas daninhas nos sistemas de produção de soja, milho e algodão. Faça sua inscrição aqui. Gessi Ceccon, pesquisador da Embrapa Agropecuária Oeste, irá abordar o tema "Consórcio milho-braquiária para controle de plantas daninhas". Sidnei Cavalieri, pesquisador da Embrapa Algodão, irá apresentar informações sobre o controle de plantas daninhas no sistema soja-algodão. O evento contará com a moderação de Dionisio Gazziero, pesquisador da Embrapa Soja. O manejo integrado de plantas daninhas consiste na adoção de um conjunto de medidas para a prevenção e o controle dessas espécies. Entre as ferramentas disponíveis estão a rotação de herbicidas, a rotação de culturas, evitar a disseminação inicial de plantas daninhas

Publicação avalia eficiência de fungicidas para controle da ferrugem da soja

Imagem
Folha de soja com ferrugem - Foto: Rafael Soares   A Embrapa acaba de lançar a publicação Eficiência de fungicidas para o controle da ferrugem-asiática da soja, Phakopsora pachyrhizi, na safra 2019/2020: Resultados sumarizados dos ensaios cooperativos.   A publicação é resultado dos ensaios cooperativos realizados na safra 2019/2020 em diferentes regiões produtoras (Rio Grande do Sul, Paraná, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Bahia, Minas Gerais e Distrito Federal) por 23 instituições de pesquisa públicas e privadas, componentes da Rede de Avaliação de Fungicidas para Controle de Doenças na Cultura da Soja.  De acordo com a pesquisadora Cláudia Godoy, da Embrapa Soja, os experimentos em rede vêm sendo realizados desde a safra 2003/2004 para comparar a eficiência de fungicidas registrados e em fase de registro para o controle da ferrugem-asiática. “Nesta safra, foram realizados três experimentos, com fungicidas registrados, em fase de registro e com fungicidas forma

BIODIESEL WEEK: Embrapa Agroenergia poderá desenvolver tecnologias para aumentar a elegibilidade de soja e milho no RenovaBio

Imagem
  Segundo dados da ANP, as usinas brasileiras conseguiram certificar apenas 45% de sua produção Aumentar a elegibilidade de soja e milho no RenovaBio, ou seja, a possibilidade de a cadeia desses grãos melhorar a nota de eficiência energética ambiental (NEEA) dentro do programa, é um dos principais desafios do setor de biocombustíveis no Brasil. Isso porque, ao aumentar a fração elegível dos biocombustíveis, os distribuidores podem melhorar a sua NEEA e emitir mais créditos de descarbonizção (CBios). Este foi um dos assuntos debatidos no webinar “RenovaBio: elegibilidade e rastreabilidade da soja e do milho", realizado no dia 12 de agosto. Ao abrir o debate, Hilda Pereira, coordenadora do Sistema de Gestão Integrada da Potencial Biodiesel e moderadora do encontro, apresentou números da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) relacionados às certificações realizadas no setor de biodiesel até julho de 2020. "As usinas brasileiras que obtiveram certifica

Produtores são orientados sobre ocorrência da podridão radicular de Phytophthora na região oeste da Bahia

Imagem
Pesquisadores da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária confirmaram a ocorrência de podridão radicular de Phytophthora , em plantas de soja coletadas na região oeste da Bahia. O diagnóstico foi obtido em plantas coletadas a campo em dezembro de 2019. A ocorrência da doença foi comunicada à Associação Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB). O alerta aos produtores da região está sendo feito em parceria com a Fundação Bahia.  Os primeiros sintomas da doença na região iniciaram na safra 2017/2018, quando ocorreu morte de plântulas e de plantas adultas com apodrecimento da raiz e escurecimento da haste. Tentativas para confirmação da causa do problema foram realizadas à época mas, no entanto, não foram observadas as estruturas típicas do patógeno nas amostras coletadas. “É um patógeno de difícil detecção, precisa ser feito um exame minucioso das raízes das plantas“, explica a pesquisadora Claudine Seixas, da Embrapa Soja, que atuou junto com pesquisadores da Emb

Agronegócio mineiro tem superávit de US$ 4,54 bilhões de janeiro a julho

Imagem
  A quantia indica uma variação positiva de 10% na balança comercial em relação ao mesmo período do ano passado Alavancada pelo bom desempenho nas exportações, a balança comercial do agronegócio mineiro fechou os sete primeiros meses de 2020 com uma alta de 10% em relação ao mesmo período do ano passado. O superávit totalizou US$ 4,54 bilhões no período, elevando a expectativa de que este ano, apesar da crise mundial causada pela Covid-19, seja o segundo melhor da série histórica do agronegócio mineiro, que teve início em 1997. As exportações tiveram uma receita de US$ 4,93 bilhões, uma expansão de 9,4% de janeiro a julho, enquanto as importações acumularam US$ 387,52 milhões, crescimento de 3% no mesmo período. Ao todo, Minas Gerais enviou 7,6 milhões de toneladas de produtos agropecuários para 162 países do mundo, um aumento de 31,4% no volume acumulado exportado. “O bom resultado se deve principalmente ao aumento nas vendas de alguns dos principais produtos da nossa

Safra deste ano deve ser 3,8% superior à de 2019, prevê IBGE

Imagem
    A produção brasileira de cereais, leguminosas e oleaginosas deve fechar o ano de 2020 em 250,5 milhões de toneladas. Caso a estimativa de safra feita em julho pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) se confirme, a produção será 3,8% superior à registrada em 2019, ou seja, 9 milhões de toneladas a mais. A estimativa de julho é 1,3% superior ao levantamento do IBGE feito no mês anterior. A área a ser colhida neste ano, de acordo com a estimativa, é de 64,9 milhões de hectares, ou 2,6% acima da área de 2019. Entre as principais lavouras de grãos do país, são esperadas altas em 2020 nas safras de soja (5,9%), arroz (7,3%), trigo (41%) e sorgo (6,4%). O algodão herbáceo deve manter a produção de 2019. São esperadas quedas no milho (0,8%) e feijão (4%). Outros produtos São esperadas altas para a cana-de-açúcar (2,4%), assim como o café (18,2%) e a laranja (4,1%). Por outro lado, estima-se quedas nas safras de batata-inglesa (10,6%), banana (5,2%),

Mapa, Polícia Civil e Secretaria do RS apreendem mais de 450 toneladas de sementes ilegais de soja

Imagem
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a Polícia Civil do Rio Grande do Sul e a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Estado do Rio Grande do Sul apreenderam nessa quinta-feira (6) mais de 450 toneladas de sementes ilegais e piratas de soja. Os produtos estavam depositados em quatro locais, com valor estimado de R$ 1.350.000 com base nos preços praticados pelos fraudadores. Foram encontrados também agrotóxicos proibidos no Brasil, armas e documentos. Ao todo, foram cumpridos 14 mandados de busca e apreensão. Em um dos locais, os policiais civis flagraram os fraudadores queimando as embalagens de agrotóxicos. Eles irão responder pelos crimes de contrabando, ambiental e de defesa do consumidor. As investigações tiveram início em junho, após os órgãos federais e estaduais receberem denúncia de que sementes piratas de soja (sem origem e procedência) estavam sendo vendidas, em larga escala, nos municípios de Santa Bárbara do Sul e Almirante Ta

Embrapa Soja realiza pesquisa sobre a adoção de tecnologias em soja

Imagem
A Embrapa Soja está realizando um levantamento sobre a adoção de tecnologias em soja - Intacta® (IPRO), Roundup Ready® e convencional (não-transgênica), pelos produtores dos diferentes estados brasileiros. O levantamento está sendo realizado por meio de um questionário disponibilizado a produtores e administradores de propriedades rurais. O objetivo é mapear o uso da adoção das tecnologias nas diferentes regiões do País e entender o comportamento dos produtores. Desta forma, será possível facilitar o direcionamento das ações de transferência de tecnologias para que sejam ainda mais conectadas com a realidade de cada região. Quem atua como assessor ou consultor técnico, pode colaborar, enviando o link do questionário aos seus clientes. A pesquisa estará disponível até 20 de agosto. O questionário deve ser respondido por produtor de soja ou administrador de propriedade agrícola. Acesse o link    e participe. Link para responder ao questionário: https://forms.gle/xfKy

Embrapa é única instituição com programa de melhoramento de soja convencional

Imagem
Neste ano, o Brasil atinge a primeira posição mundial na produção de soja e um nicho de mercado a ser explorado é o de soja convencional, pelo preço diferenciado pago por compradores da Europa e da Ásia. Esse foi um dos assuntos apresentados na live Soja no Cerrado : potencial de produtividade com sustentabilidade , transmitida no último dia da AgroBrasília. A soja convencional é uma excelente opção para o agricultor. É um mercado muito procurado e muitos produtores não sabem disso, como conta o produtor rural Luiz Fiorese, presidente da Fundação Cerrados e um dos participantes do debate que ocorreu no dia 10 de julho. “A Fundação Cerrados tem o maior portfólio de variedades convencionais e a Embrapa é a única instituição no Brasil que continua com o programa de melhoramento genético de soja convencional”, informa. Segundo Fiorese, esses mercados pagam prêmios aos produtores e, em geral, a soja não transgênica é destinada ao consumo humano: “A China também tem demanda

Cultivares de soja altamente competitivas ampliam opções para agricultor brasileiro

Imagem
A Embrapa Soja e a Fundação Meridional ampliam seu portifólio com o lançamento de duas cultivares de soja transgênicas - BRS 544RR e BRS 467RR - e uma cultivar convencional, a BRS 391, durante o Showtec, evento realizado de 22 a 24 de janeiro, em Maracaju (MS). A BRS 544RR tem como diferencial a alta estabilidade produtiva, associada com a precocidade do grupo de maturidade 6.2, e excelente adaptação em São Paulo, Paraná e Mato Grosso do Sul - macrorregião sojícola 2 (RECs 201, 202, 203 e 204). A cultivar permite a semeadura antecipada, o que possibilita que o produtor produza uma segunda safra depois da soja. “Isso significa que a cultivar pode ser plantada no início da época recomendada, propiciando a semeadura do milho safrinha na sequência, por exemplo”, diz Carlos Arrabal Arias. A cultivar possui também resistência às principais doenças da soja, inclusive à podridão radicular de phytophthora. A BRS 544RR apresenta tolerância ao glifosato, o que facilita o controle de plantas d

Projeto vai melhorar sistemas de produção no cerrado piauiense

Imagem
A ciência quer contribuir para mudar o perfil dos sistemas de produção de grãos adotados hoje no cerrado do Piauí. O projeto da Embrapa Meio-Norte, aprovado este mês pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), com orçamento de R$ 100 mil e duração de três anos, vai contribuir, principalmente, com indicações de potenciais plantas de cobertura na entressafra. Liderado pelo pesquisador Henrique Antunes, que é doutor em fertilidade do solo e nutrição de plantas, o estudo vai avaliar os efeitos da adoção de sistemas integrados de produção, as características físicas, químicas e biológicas do solo, além da emissão de gases de efeito estufa, estado nutricional e produtividade grãos e forrageiras. É meta do projeto, segundo Antunes, obter a emissão de óxido nitroso de cinco componentes de sistema silviagrícola em uma safra e indicar pelo menos uma planta de cobertura do solo que “venha melhorar as características do solo”. O estudo foca também na indicação de um método de

Pesquisadores apresentam Zoneamento de Risco Climático para plantio de soja no Acre

Imagem
Uma equipe técnica da Embrapa divulgou, em setembro, o Zoneamento Agrícola de Risco Climático (Zarc) da Soja no Acre para produtores e técnicos rurais. A ferramenta tem como objetivo minimizar os riscos relacionados aos fenômenos climáticos extremos e permitir aos municípios identificar a melhor época de semeadura e plantio do grão nos diferentes tipos de solo e regiões do estado.   Os produtores rurais acreanos têm apostado no cultivo de soja como forma de recuperar pastagens degradadas. Na safra 2018/2019, foram cultivados 1.700 hectares; e na safra 2019/2020, a área deve superar 2.000 hectares, conforme dados levantados pela Embrapa Acre. O Zoneamento de Risco Climático é um instrumento de política agrícola e gestão de riscos na agricultura que subsidia financiamentos. “Há a necessidade de disponibilizar dados atualizados sobre clima e solo para a tomada de decisão por parte dos produtores rurais quanto à época de semeadura, com o objetivo de diminuir perda

Seminário debate desafios para manter competitividade da soja brasileira

Imagem
Mais de 100 representantes de cadeias produtivas da qual a soja participa estiveram reunidos no seminário Desafios da Liderança Brasileira no Mercado Mundial da Soja, realizado nos dias 25 e 26 de setembro, na Embrapa Soja, em Londrina (Paraná). Em 2018, segundo levantamento da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (ABIOVE), o Brasil produziu 123 milhões de toneladas de soja e exportou 83 milhões de toneladas, assumindo a liderança do mercado mundial. Para manter este protagonismo, o Brasil precisa ter um diagnóstico preciso dos gargalos que afetam o setor e investir em ações concretas na busca de soluções, avalia o chefe-geral da Embrapa Soja, Jose Renato Bouças Farias. Para Farias, o evento foi uma importante oportunidade para que se avaliem alguns dos riscos que afetam o mercado da soja brasileira. “Nossa proposta era conhecer os principais entraves que podem depreciar ou questionar a qualidade do grão para que todos os membros da cadeia produtiva consigam se ante
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3