Postagens

Mostrando postagens com o rótulo açaí

Recipientes menores otimizam produção de mudas de açaí

Imagem
As mudas são mais resistentes ao estresse característico do primeiro ano e dão menos trabalho a quem lida com menores quantidades de mudas. O boletim de pesquisa Produção de mudas de açaizeiro em recipientes de diferentes volumes , da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), traz a primeira comprovação científica sobre os melhores materiais para esse fim, mais econômicos e adequados às demandas de um setor produtivo com áreas de cultivo em crescente expansão. Com o aumento do consumo do açaí – fruto antes proveniente apenas do extrativismo –,  no Brasil e no exterior,  o açaizeiro ( Euterpe oleracea ) passou a ser manejado em grandes áreas e em pomares comerciais. “Os novos dados, comprovados estatisticamente, colaboram para haver no mercado mudas de qualidade em maior número, a um custo menor, em recipientes de menor tamanho, mais fáceis de se manejar e transportar”, contextualiza  Walnice Maria Oliveira do Nascimento,  pesquisadora da Embrapa autora da public

Choque térmico nos frutos de açaí é recomendação para eliminar protozoário causador da Doença de Chagas

Imagem
A Embrapa Amapá investe, junto com várias instituições parceiras, em pesquisas para as Boas Práticas de Fabricação, com o objetivo de contribuir para a prevenção da Doença de Chagas e outras. Entre os procedimentos recomendados está o tratamento por choque térmico dos frutos de açaí, para eliminar o protozoário  Trypanosoma cruzi , agente causador da Doença de Chagas, e que pode ser encontrado no inseto conhecido como barbeiro. A pesquisadora Valeria Saldanha Bezerra explica que o choque térmico deve ser feito mergulhando os frutos de açaí higienizados em água aquecida a temperatura entre 80°C a  90°C durante dez segundos. Logo depois, os frutos devem ser resfriados em outro tanque com água com temperatura ambiente, por dois minutos. A diferença de temperaturas das águas – ou o choque térmico - é que provoca a inativação do protozoário que causa a Doença de Chagas. Ela acrescenta que a água usada para resfriar os frutos deve também ser de boa qualidade. É aconselháv

Melhoria na qualidade do açaí reúne três esferas de governo em Portel (PA)

Imagem
“Se vocês seguirem as boas práticas, não haverá nenhum problema de doenças relacionadas ao consumo do açaí.” Essa foi a mensagem final do supervisor do Programa de Combate à Doença de Chagas do Estado do Pará, Éder Monteiro, aos batedores de açaí do município de Portel, em workshop realizado no sábado (19). O evento foi organizado pelo projeto Bem Diverso, em parceria com a Emater e a prefeitura local, para transmitir informações sobre os cuidados que devem ser seguidos desde a coleta até a venda ao consumidor, visando a melhoria da qualidade da bebida. Monteiro apresentou no evento informações sobre a enfermidade que mais preocupa as autoridades quando o assunto é açaí: a doença de Chagas. Segundo o ele, a cada ano cerca de 300 casos são registrados no Pará. E 85% dessas ocorrências são contaminações via oral, causadas pelo consumo da polpa do açaí contaminada com o protozoário parasita Trypanosoma cruzi. A transmissão ocorre quando os frutos do açaí são contaminados pelas fezes d
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3