Postagens

Mostrando postagens com o rótulo SEAPA

Laboratório da Epamig realiza testes gratuitos relacionados a carrapatos

Imagem
A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) disponibiliza um serviço gratuito no Campo Experimental de Prudente de Morais, na região Central: o laboratório de parasitologia para testes de eficácia carrapaticida.   A notícia agrada a produtores, pois pode ajudar no manejo do rebanho, considerando-se que é grande a lista de danos causados por carrapatos comuns.    Entre os prejuízos estão a diminuição da produção leiteira, do ganho de peso e da fertilidade dos animais; aumento dos gastos com a prevenção e com o tratamento de doenças; e a perda de animais e a desvalorização do couro, que embora não seja remunerado pela qualidade, prejudica as indústrias e aumenta o preço do produto final. Há, ainda, outros prejuízos como aumento nos gastos com mão-de-obra, equipamentos, serviços e produtos específicos para o controle dos carrapatos.    A Epamig, que realiza uma série de pesquisas sobre controle de carrapatos e verminoses de bovinos, disponibiliza alguns s

Primeira edição virtual do Pró-Genética começa no próximo sábado

Imagem
Evento terá cerca de 100 animais à venda. A feira de touros e matrizes é referência nacional em animais geneticamente melhorados A 1º Feira Virtual do Pró-Genética e Pró-Fêmeas do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba acontece de 1 a 7 de agosto e será realizada totalmente on-line, devido à pandemia da Covid-19. Produtores interessados em adquirir animais terão acesso a vídeos dos touros e matrizes à venda, com todas as informações técnicas, por meio do site da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), no endereço  http://www.abcz.org.br/ Na mesma página estarão disponíveis os contatos dos criadores para que cada interessado faça a negociação diretamente com os donos. Será possível, ainda, acessar à feira pelo celular, por meio do aplicativo ABCZ Mobile, disponível na Play Store e na App Store. Nesta edição, a expectativa dos organizadores é que pelo menos 100 animais sejam colocados à venda e o volume de negociações chegue a R$ 700 mil. Para serem i

Prevenção e controle da mastite contribuem para qualidade do leite

Imagem
A qualidade do leite é um dos principais desafios enfrentados pelo setor lácteo e pode ser influenciada por fatores como manejo; alimentação; genética; saúde das vacas; além de condições ligadas à obtenção, resfriamento e armazenagem. "Dentre esses, a inflamação da glândula mamária (mastite) representa a principal influência negativa sobre a qualidade e quantidade do leite produzido", aponta Cristiane Viana Guimarães Ladeira, coordenadora do Programa Estadual de Pesquisa em Bovinocultura da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), vinculada da Secretaria de Estado de Agropecuária, Pecuária e Agricultura (Seapa) . A mastite está entre as enfermidades que mais afetam os rebanhos leiteiros no mundo, causando perdas econômicas para o produtor de leite e para a indústria de laticínios, em função da redução da quantidade e do comprometimento da qualidade do leite produzido. A doença pode, inclusive, causar a perda total da capacidade secretora da glândula mamár
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3