Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2020

Pesquisadores fazem lançamento on-line de publicação sobre controle biológico

Imagem
  O público interessado em um dos temas mais discutidos na agricultura mundial, métodos e resultados de pesquisa sobre como fazer o controle biológico das diferentes pragas agrícolas, agora já tem onde buscar respostas para o assunto. A  Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia  lança, em comemoração ao seu  46º aniversário , no canal da Embrapa no YouTube, uma das mais completas publicações nessa linha de pesquisa, reunindo os melhores especialistas da área, sob o título  Controle Biológico de Pragas da Agricultura . A publicação tem 16 capítulos abordando subtítulos com riquíssimas informações e relatos de resultados já alcançados nesse tema, tendo como editoras técnicas as pesquisadoras Eliana Fontes e Maria Cléria Valadares Inglis. O livro é um estímulo para o avanço da sustentabilidade da agricultura tropical, tendo autores não só da Embrapa, mas também de universidades e instituições parceiras.  “Procuramos descrever de forma didática os fundamentos e conhecimen

Embrapa alerta sobre surto de enterotoxemia em caprinos e ovinos criados na Caatinga

Imagem
Animais na Caatinga   A Embrapa Semiárido (Petrolina, PE) tem registrado, nos últimos meses, a ocorrência de diversos casos de enterotoxemia em caprinos e ovinos criados em áreas de Caatinga no Vale do São Francisco. A doença é a mais importante clostridiose dessas espécies, por isso a Empresa faz um alerta aos criadores da região, visto que a enfermidade tem alto índice de mortalidade. A doença é causada por uma toxina chamada épsilon, produzida pela bactéria Clostridium perfringens Tipo D no trato gastrintestinal dos animais, acarretando um quadro de infecção aguda. De acordo com a médica veterinária e pesquisadora responsável pelo Laboratório de Sanidade Animal (LSA) da Embrapa Semiárido, Josir Laine Veschi, vários fatores estão associados à  ocorrência da enterotoxemia em caprinos e ovinos, tais como as mudanças bruscas na alimentação, dietas muito ricas em carboidratos, situações estressantes, ou ainda a ocorrência de diversos outros fatores, ainda não totalmente es

Certificação de propriedades que utilizam ILPF será discutida em simpósio nesta semana

Imagem
Mais de 80 fazendas estão hoje em processo de certificação de propriedades sustentáveis segundo os protocolos da Rede ILPF (Integração Lavoura-Pecuária-Floresta) no Centro-Oeste, Matopiba e Paraná, principalmente. Para a certificação, são avaliados diversos indicadores relacionados a boas práticas de manejo e bem-estar animal, gestão, origem e qualidade de insumos, impacto social e econômico, saúde e segurança, entre outros. De acordo com o vice-presidente de Relações Institucionais da Rede ILPF e Sócio da CEPTIS Agro, José Pugas, o agronegócio brasileiro está acelerando sua entrada na economia verde. “Traders, financiadores, investidores e consumidores demandam transparência sobre o que acontece na propriedade. A certificação atende essa pressão, favorecendo o produtor que tenha competitividade socioambiental no ecossistema internacional de finanças sustentáveis”, destaca. Pugas vai tratar do tema no Painel Sustentabilidade dos sistemas ILPF, durante o  VI Simpósio de

Custos de produção de suínos sobem 15% em outubro

Imagem
Os custos mensais de produção de suínos e de frangos de corte calculados pela CIAS, a Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa tiveram mais um mês de grande elevação. Em outubro, o ICPSuíno chegou aos 352,95 pontos, +14,98% em relação a setembro, superando o então recorde nominal do índice, de 306,95 pontos, que também era do nono mês de 2020. Já o ICPFrango fechou o outubro nos 328,76 pontos, +8,89% em comparação a setembro. Também é o novo recorde nominal do índice criado em 2011 pela Embrapa e Conab para medir a variação mensal dos custos de produção. A alta do ICPSuíno foi puxada pela variação também recorde nos gastos com a nutrição dos animais (14,14% em setembro). No ano, o custo geral de produção de suínos já subiu 40,69% e, nos últimos 12 meses, 46,02%. O custo por quilo vivo de suíno produzido em sistema de ciclo completo em Santa Catarina aumentou quase R$ 0,80 em 30 dias, passando dos R$ 5,37 em setembro para R$ 6,17 em outubro. Já o ICPFrango acu

Bolsonaro entrega títulos de propriedade rural para famílias em Goiás

Imagem
  O presidente Jair Bolsonaro participou hoje (18) da cerimônia de entrega de 3.305 títulos de propriedade rural para assentados da reforma agrária, em Flores de Goiás (GO). A cerimônia aconteceu no Projeto de Assentamento Bom Sucesso, com a presença da ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, do ministro das Comunicações, Fabio Faria, e outras autoridades. “Meus pais viveram por 30 anos de aluguel, é algo parecido com que o vocês viviam aqui. Trabalhavam, labutavam e não tinham certeza que esse pedaço de terra era seu ou dos seus filhos. Não existe satisfação maior para um pai e para uma mãe do que o momento parecido como esse, sabendo que o suor do seu rosto, o seu trabalho, vai ser revertido para aqueles que o sucederem aqui na terra”, disse Bolsonaro. De acordo com a ministra Tereza Cristina, foram entregues 1.480 títulos definitivos e 1.825 concessões temporárias. A medida v

Aumenta participação de mulheres na agricultura familiar

Imagem
A participação feminina na agricultura familiar vem aumentando nos últimos anos, aponta publicação divulgada nesta quinta-feira (29) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Segundo o documento , atividade de mulheres chegou a 80% em comparação à masculina em 2019. A maior parte da atividade feminina está localizada na Região Sudeste (88%), seguida pelo Nordeste (84%), Centro-Oeste (80%), Norte (67%) e Sul (65%). Em relação à renda média anual, no mesmo período, a maior remuneração ocorreu no Centro Oeste, R$ 7.033,87 e a menor na Região Sul, R$ 6.619,70. A maior presença feminina no ano passado foi registrada na agricultura familiar (2.169), seguida dos assentamentos da reforma agrária (1.538), quilombolas (475), agroextrativismo (264), pesca artesanal (133), comunidades indígenas (113) e atingidos por barragens (9). Os dados fazem parte da publicação Agricultura Familiar: Programa de Aquisição d

Relatório aponta importância do debate sobre alimentação nas eleições

Imagem
  Neste momento de eleições municipais, candidatos a prefeito e a vereador apresentam propostas para diversas políticas públicas. Mas para o Instituto Escolhas, a produção e o abastecimento de alimentos nos centros urbanos não recebem tanta atenção nos debates sobre as ações estatais no âmbito municipal. A entidade lançou documento chamando a atenção para esta temática. Se considerado o setor alimentar como um todo (da produção ao consumo, incluindo comércios e restaurantes), o percentual de população ocupada chega a 24% em Manaus, 22% em Fortaleza e 20% e Salvador. Em outras capitais (como Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre), este índice fica entre 12% e 16%. De acordo como os autores do documento, a separação entre a produção em localidades no interior e os circuitos de consumo nos centros urbanos geram “vulnerabilidades”, como altos custos de transporte, volatilidade dos preços e di

Embrapa faz nova oferta de hastes de seringueiras para produtores de mudas

Imagem
A Embrapa está ofertando hastes de planta básica para enxertia de 14 clones de seringueiras exclusivamente para produtores de mudas inscritos no Registro Nacional de Sementes e Mudas (Renasem). A oferta visa contribuir para a diversificação clonal, o aumento de produtividade e a sustentabilidade dos seringais brasileiros, sobretudo da região Centro-Oeste. São disponibilizados 613 lotes com hastes de 10 metros dos clones OS 22, PB 311, PB 312, PC 119, RRIM 713, PB 291, PB 314, PB 324, PB 350, PB 355, RRIM 901, RRIM 937, RRIM 938 e PC 140 para retirada em 2021. Os materiais foram registrados no Registro Nacional de Cultivares (RNC), no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Os interessados devem enviar, até às 17h de 30 de novembro, um e-mail com o assunto “Oferta de seringueira 20/21” para o endereço [email protected] e informando, no formulário constante neste documento , os clones e quantidades desejados, observando os limites de aquisiçã

Programa Água Doce entrega primeiros diagnósticos

Imagem
O Programa Água Doce (PAD), iniciativa que prevê a instalação de dessalinizadores de água em 69 localidades rurais do semiárido mineiro, realizou na última semana a entrega dos primeiros diagnósticos socioambientais no estado. Os relatórios atendem 22 comunidades nos municípios de Espinosa e Monte Azul, na região Norte do estado. No total, serão entregues 279 diagnósticos até o final do ano. Utilizada em regiões onde a água doce é escassa ou de difícil acesso, a tecnologia deverá beneficiar cerca de 28 mil pessoas em Minas Gerais. Desenvolvido pelo governo federal, o PAD conta com coordenação estadual da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) , Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) , Gabinete Militar do Governador por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (GMG/Cedec) , Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) e Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais

Caso de sucesso em Integração Lavoura-Pecuária em solos arenosos é retratado em publicação

Imagem
  Foto: Luiz Adriano Cordeiro A adoção dos sistemas de integração, em especial a Integração Lavoura-Pecuária (ILP), é uma alternativa de manejo sustentável de solos arenosos (com baixos teores de argila) no ambiente tropical e traz inúmeros benefícios, constituindo um modelo de intensificação sustentável do uso da terra. Quando associada ao Sistema Plantio Direto, a ILP é uma das formas mais eficientes de manejo sustentável de solos arenosos. Para comprovar esse conhecimento na prática, a Embrapa Cerrados (DF) elaborou o documento “ Integração Lavoura-Pecuária (ILP) em Solos Arenosos: Estudo de Caso da Fazenda Campina no Oeste Paulista ”, disponível para download . A publicação é fruto da parceria do centro de pesquisa com a Fazenda Campina, em Caiuá (SP), do produtor Carlos Viacava, e com instituições como a Embrapa Pecuária Sudeste (São Carlos, SP), a cooperativa Cocamar e a Universidade do Oeste Paulista (Unoeste). Pecuarista há décadas, Viacava é uma referência nacion

Genética Nelore BRGN é transferida a criadores em leilão on-line

Imagem
Com a realização do 7º Leilão Nelore BRGN, promovido pela Embrapa Cerrados (DF) e a Multleilões, criadores de bovinos da raça Nelore tiveram mais uma oportunidade de adquirir animais de elevada qualidade genética gerados pela pesquisa científica. O evento foi realizado nos dias 5 e 6 de novembro pela internet, com transmissão diretamente do estúdio da Multleilões, em Brasília. Os 267 animais ofertados em 56 lotes foram apresentados em vídeos previamente gravados. Os interessados deram os lances pela página da empresa na internet e por telefone. O valor médio geral negociado no leilão foi de R$ 8.823,90. Os demais valores médios foram: touro PO* (R$ 13.790,32), macho controlado (R$ 4.200), vaca PO prenha (R$ 9,279,17), vaca PO parida (R$ 12.957,90), vaca PO vazia (R$ 6.328,85) e novilhas (R$ 6.052,38). O chefe geral da Embrapa Cerrados, Sebastião Pedro da Silva Neto, revelou a satisfação da Embrapa Cerrados em realizar mais uma edição do evento. "Por meio do leilão, a Embrapa faz

BRS A502: nova cultivar de arroz da Embrapa traz de volta regiões de sequeiro ao circuito produtivo da cultura

Imagem
Com resistência ao acamamento e grãos de excelente qualidade industrial e culinária, a BRS A502 é bastante esperada por produtores em terras altas.   O Programa de Melhoramento Genético de Arroz da Embrapa, em parceria com outras organizações, disponibiliza uma nova cultivar de arroz de terras altas: a BRS A502. Com ciclo de até 110 dias, ela se destaca com altas produtividades. Seus estudos tiveram início em 2002, desenvolvidos em Goiás, Mato Grosso, Rondônia, Pará, Maranhão e Piauí. Além da já citada produtividade, apresenta diversas características extremamente positivas, tanto para manejo, quanto para o mercado. Rusticidade; resistência intermediária à brusone, mancha de grãos e escaldadura; e qualidade de grãos, são os principais destaques da cultivar. As avaliações para resistência à brusone foram realizadas nos campos experimentais da Embrapa e no Viveiro Nacional de Brusone (VNB), conduzido em rede por fitopatologistas integrantes das equipes públicas de melhoramento de arroz d

Live traz à discussão a bioeconomia na Amazônia e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

Imagem
O modelo de produção baseado no uso de recursos biológicos, a chamada bioeconomia, é o tema da live “Bioeconomias amazônicas e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável – ODS”, que ocorre no dia 17 de novembro, às 15 horas, no canal da Embrapa no Youtube. Dados da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OECD), relevam que, no mercado mundial, a bioeconomia movimenta cerca de 2 trilhões de euros e gera algo em torno de 22 milhões de empregos. Outro fator crucial é que as atividades relacionadas a esse setor da economia estão no cerne de pelo menos metade dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, desde a segurança alimentar até a garantia de acesso à energia e saúde, conforme descreve o espaço temático da Embrapa, dedicado ao assunto, dentro do Portal da Empresa. Saiba mais acessando aqui. Entre os objetivos da bioeconomia estão a oferta de soluções tecnológicas para a sustentabilidade dos sistemas de produção visando à substituição de

Projeto MandioTec promove treinamento em avaliação de impactos em propriedades rurais

Imagem
A Embrapa Amazônia Ocidental (Manaus,AM) coordenou dia 12/11/2020 a capacitação “Avaliação de impactos e desempenho socioambientais de propriedade agrícolas em contexto Amazônico”, com o objetivo de orientar os participantes sobre o uso do sistema Ambitec-agro, na realização de avaliações de impactos econômico, social e ambiental. Sob a coordenação do pesquisador Lindomar de Jesus de Sousa Silva, da Embrapa Amazônia Ocidental, e tendo como instrutor o pesquisador Geraldo Stachetti Rodrigues, da Embrapa Meio Ambiente, o curso foi realizado via webconference com empregados das unidades da Embrapa Amazônia Ocidental, Embrapa Acre, Embrapa Roraima, Embrapa Amapá, Embrapa Amazônia Oriental e Embrapa Agrossilvipastoril. O curso foi uma atividade do projeto em rede “Tecnologias para agregação de valor e produção sustentável de mandioca por produtores familiares na Amazônia – MandioTec”, que faz parte do conjunto de 19 projetos da Embrapa que formam o Projeto Integrado da Amazônia , financia

Embrapa adota formato digital para interagir com estudantes de São Carlos

Imagem
Qual a relação da lagartixa com a nanotecnologia e do arroto do boi com os gases de feito estufa? Em 2020, por causa da pandemia da Covid-19, essas perguntas serão respondidas de maneira digital, em palestras para os estudantes da rede pública de São Carlos (SP) que participam do Programa Embrapa & Escola. Serão dois encontros, às 14h30, o primeiro nesta sexta-feira (13), com o tema “É nano, tá ligado”, com o pesquisador Luiz Henrique Capparelli Mattoso, da Embrapa Instrumentação; o segundo, no dia 20 de novembro, sobre “Carne e leite: fatos e fakes”, com os pesquisadores Alexandre Berndt e Patrícia Anchão, da Embrapa Pecuária Sudeste. A iniciativa conta com a participação da Secretaria Municipal de Educação de São Carlos e da Câmara Municipal, por meio de uma emenda do vereador Luis Enrique Paulino Carmelo (Kiki), que será destinada às escolas participantes. As palestras serão transmitidas ao vivo pelo canal da Diretoria de Ensino - Região de São Carlos no Facebook , um

Cartilha traz boas práticas para cultivo de cacau no Pará

Imagem
  Está disponível no site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) a Cartilha de Boas Práticas da Agricultura do Cacau no Estado do Pará . Elaborada pela Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac),com a contribuição de produtores, a cartilha traz de forma clara, concisa e ilustrada a produção do cacaueiro em Sistemas Agroflorestais (SAF). Há também o orçamento para implantação de um hectare de cacaueiros em SAF, as indicações do uso de equipamento de proteção individual e o calendário agrícola para aplicação das práticas agrícolas na cacauicultura, segundo o mês da sua execução e alinhadas com a média mensal de chuvas. “Ao apresentar e disponibilizar a cartilha espera-se que a maior diversidade de pessoas ao acessá-la possa aprender e identificar - além da forma que escolheram para “fazer o cacau” -, os acréscimos tecnológicos disponibilizados pela pesquisa agrícola desenvolvida pela Ceplac em benefício da eficiência econômica na produç

A água é bem utilizada no campo?

Imagem
  A série Diálogos para Conservação do Solo e da Água chega à quarta edição no dia 18 de novembro (quarta-feira), às 17h (não é necessária inscrição). A live abordará o uso eficiente dos recursos hídricos no meio rural A transmissão poderá ser acompanhada aqui , com direito a perguntas dos espectadores. Os convidados são os pesquisadores da Embrapa Solos (Rio de Janeiro-RJ), Rachel Bardy Prado e Silvio Lucena Tavares, e a também pesquisadora da Embrapa Solos UEP Recife (PE), Maria Sônia Lopes. A moderação ficará a cargo de Fabrício De Martino , consultor em inovação e criatividade, enquanto a artista plástica Milena Pagliacci vai elaborar o mapa mental do encontro.  A série Diálogos para a Conservação do Solo e da Água tem o objetivo de sensibilizar o público em geral sobre a necessidade de ampliar as ações que potencializam o uso adequado dos recursos solo e água. Saiba um pouco mais sobre a área de atuação de cada cientista convidado para a reunião: Rachel Bardy Prado:

Embrapa ministra curso para agentes de desenvolvimento do Prodeter e amplia o alcance do Programa AgroNordeste

Imagem
  A Embrapa amplia o alcance de sua atuação nos territórios envolvidos no Programa AgroNordeste por meio de capacitação a ser ministrada para uma turma de 150 técnicos do Programa de Desenvolvimento Territorial do Banco do Nordeste (Prodeter). O grupo participará da “Atualização tecnológica em caprinocultura e ovinocultura “, desenvolvido e ministrado, de forma remota, pela Embrapa Caprinos e Ovinos com o objetivo de atualizar os agentes de desenvolvimento em relação aos avanços tecnológicos mais recentes e de aumentar a sustentabilidade da produção de caprinos e ovinos no Semiárido brasileiro. As aulas iniciam-se no próximo dia 16 de novembro e se encerram em 22 de dezembro de 2020. Técnicos de assistência técnica e extensão rural que atuam no Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em diversos estados do Nordeste já participaram das duas turmas anteriores da capacitação. “Com este novo treinamento aumentaremos nosso nível de interação com os territórios porque vamos ap

Começou no dia 1 de novembro a segunda etapa da vacinação contra a febre aftosa em Minas Gerais

Imagem
Começou no dia 1 de novembro a segunda etapa anual de vacinação contra a febre aftosa em todo o território mineiro. Deverão ser vacinados bovinos e bubalinos com idade de zero a 24 meses. O Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), é responsável pelo gerenciamento e fiscalização da campanha junto aos produtores rurais. Nesta etapa, a expectativa é que sejam imunizados cerca de 10 milhões de animais em todo o estado com o objetivo de preservar a sanidade dos rebanhos e manter o compromisso com o agronegócio de Minas. A campanha vai até 30 de novembro. Para mais segurança e comodidade em razão do enfrentamento da Covid-19, o produtor pode comprovar a vacinação dos animais usando o formato eletrônico de declaração disponível em www.ima.mg.gov.br ou, caso tenha cadastro, acessando o Portal de Serviços do Produtor. Uma outra opção será o envio da declaração para o e-mail da unidade do IMA responsável pela juri

IMA realiza consulta pública sobre a legislação da defesa agropecuária

Imagem
IMA realiza consulta pública sobre a legislação da defesa agropecuária O IMA quer ouvir a sua opinião! Produtores rurais, cooperativas, sindicatos, entidades de classe e representantes de agroindústrias podem participar da consulta pública sobre os atos normativos da defesa agropecuária enviando sua contribuição até 26 de novembro. Consulta pública sobre a legislação da defesa agropecuária    O IMA coloca em consulta pública, entre os dias 28 de setembro e 26 de novembro, os atos normativos da defesa agropecuária. Convida produtores rurais, cooperativas, sindicatos, entidades de classe e representantres de agroindústrias a contribuírem para a contrução de uma legislação mais moderna, justa e simples.   Você pode conferir as normas da defesa agropecuária, objetos desta consulta pública, neste link As contribuições devem ser feitas via formulário e os participantes  podem contri
E aí, gostou da matéria? A Agroales News tem em sua missão trazer boas informações aos seus leitores. Sinta-se livre para curtir, comentar e compartilhar nas redes sociais! Contribua com PIX! Chave PIX AGROALES: 999e11f7-141b-460e-a5fe-27a2673c20b3